segunda-feira, 15 de junho de 2015

Não tenha dó do cara

Hoje eu vou contar uma historia minha...
Que é um pouco engraçada... 





Isso realmente aconteceu comigo a muito tempo atrás...


Depois do meu primeiro beijo e de eu ter me apaixonado pelo cara que eu tinha beijado (que se tornou me ex-namorado no presente), na época ele não estava afim de mim e começou a me dar uns gelos... Eu, inocente demais fui pedir concelho para as minhas "amigas"... E elas disseram o que elas fazem... Beije outra pessoa e tente esquecer... Então eu fui a caça um novo amor... Eu montei um plano na minha cabeça, eu não queria amar alguém para não sofrer então eu procuraria alguém que eu apenas gostasse para ir aos poucos concretizando as coisas... Sabe, escolher bem e ser organizada... Você conhece alguém, gosta da pessoa, conhece mais ainda e depois se permite se apaixonar pela pessoa...

Eu não conhecia muitos caras... Eu nunca fui popular em um bom sentido (tipo: alguém que “todo mundo admire”... Mas as pessoas sabiam do meu nome, por diversos motivos), os caras que eu conhecia se igualavam ao tipo de pessoa que eu andava: Roqueiros, nerds ou antissociais
Havia um pequeno grupo que eu me dava melhor que era de uns metaleiros, eu gostava deles pelo estilo musical... Só por isso... Nesse grupo eu acabei tendo contato sem querer com o primo do líder do grupo deles... Eu nunca tinha visto o cara pessoalmente ... O cara começou a me dar muita atenção e eu fui indo... Eu meio que sou aberta (e fechada ao mesmo tempo), se uma pessoa é legal comigo eu sou legal com ela, se ela é má comigo eu fecho as portas e evito contato com ela... Vamos dizer que o cara estava sendo legal comigo...
(usando as fotos do Tumblr... Não tem outra foto para ilustrar)
O nome do cara era igual ao do cara que eu gostava na época (oh, e até hoje), então eu fui me aproximando pensando nele (no cara que eu gostava)... Mas... Não seu o que foi acontecendo mas o cara (o cara que eu estava conhecendo) começou a ficar egocêntrico e chato... Começou a cansar... Mas eu continuei insistindo...

Foi ai que ele deu a ideia da gente se conhecer (eu nunca tinha visto ele até ai)... Ele sabia como eu era (porque as pessoas me conhecem mas eu não conheço todas elas)... Então ele me enviou uma foto dele e... Omg... Ele era... Bem... Não era algo bom pelos meus padrões... E... Eu acho Jonathan Davis bonito... E vamos combinar, Jonathan Davis é bagunçado... 
O cara era... Uh... Bem... Vou ser direta... Ele era feio...
Me lembro que eu virei a foto para baixo para entender o que estava havendo na foto... Era um rosto aquilo?
Eu não sou a pessoa mais bonita do mundo... Mas... Tudo tem limites...
Com certeza alguma pessoa acha ele bonito... Talvez... Tem gosto para tudo (estou tentando me sentir melhor por achar ele feio)
Mas... Esta difícil a coisa...
Eu comecei a rir quando vi a foto... Mas eu ignorei e apaguei a foto e tentei me focar em quem ele poderia ser... Ora essa, ele tinha bons gostos musicais, bons amigos... Até boa conversa mas...
Foi quando nós nos conhecemos e... Uh... Aquilo não foi legal, ele não era uma pessoa agradável, a conversa foi bem breve e tudo que me passava na cabeça era: "isso vai acabar quando?"
Quando finalmente chegamos perto da minha casa, e íamos nos despedir... ele fez um bico e... Se inclinou e... Tentou... Ele... Tentou... Me beijar...
Aquilo foi doido, na hora me veio a vontade de dar um tapa na cara dele, mas me passou um pequeno filme na cabeça aonde eu tinha dado sinais de que talvez algo poderia acontecer... Então eu recuei e dei uma desculpa pra não o beijar... E ele foi embora...
Nas horas seguintes me lembro muito bem a sensação de horror que ficou na minha cabeça... Eu quase beijei aquilo... Omg... Isso foi... Nojento...
Eu comecei a lembrar das minhas "amigas" que ficavam com qualquer cara... Que até ficavam com alguém por dó da pessoa mesmo se ela não gostasse dela... Omg... Eu não teria a capacidade disso... Pois até hoje eu lembro disso e fico horrorizada com a cena... Se fosse hoje eu teria espatifado a cara do rapaz... Ninguém chega tão perto de mim sem eu permitir... Oh como eu era boba...
As vezes eu vejo esse cara... E... Oh... Eu caio na gargalhada ou fico muito sem graça... (ele continua muito feio... Mas tem gente que gosta... Talvez... Improvável... Oxe...)
Pois, depois do que aconteceu ele ficou magoado, então eu dei uma desculpa de que só não beijei ele pois... Não estávamos sozinho... Mentira, eu não beijei ele porque eu não queria! Mas isso deixou ele mais egocêntrico, ele começou a ficar metido e insuportável, aos poucos eu fui me afastando... Eu insistia porque eu achava que pelo fato dele ser tão feio ele poderia ser bom... Mas não... Um dia nós paramos de nos falar...

A parte sem graça é que ele se enquadra no “menino perdedor”... E quando eu passo e ele está perto de alguém ele olha para mim e faz comentários com quem está perto... Não sei o que ele está falando, mas o tipo de garoto dele sempre fala que beijou tal menina mesmo nunca tendo acontecido... Apenas para se gabar de uma conquista... E isso me deixa sem graça... Eu não beijei ele, nunca beijaria, ele não é uma pessoa atraente em nenhum sentido...
Um dia, se ele fizer esses comentários perto de mim, vou lhe dar o tapa que eu não dei naquele dia... Ele está na dívida!


Não tenha dó do cara
Não beije alguém que você não goste, seja sincera com ele e com você mesma, dane-se o social, a coisa tem que ser verdadeira, e se ele choramingar... É melhor que beijar alguém forçado
Todo mundo sofre ou já sofreu por amor, é normal, com o tempo passa, eu estou sofrendo muito por alguém agora... Mas não vou ficar aqui a vida toda... Depois passa...
A pessoa tem que ser adulta e ele tem que aceitar limites, se você não quer, diga não, se insistir, diga um não bem grande e se ele cruzar alguma linha deixe sua mão beijar a cara dele... Foda-se
Se você ficar sede do vai ficar como minhas amigas... Perdidas no que elas realmente querem...

...

Mas eu me fiz uma promessa... Não beijar alguém que eu não queira, mesmo que eu fique sozinha por um tempo, pois quando acontece é magico... Não uma coisa que... Bem... Já virou comum...

2 comentários:

  1. Minhas amigas também são assim! Beijam qualquer um, por pena ou por interesse. Acho que nunca conseguiria tal coisa, até pra beijar pessoas que eu gosto eu sou travada, ahaha.

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. hehehehe
      as pessoas fizeram o beijo se tornar qualquer coisa

      Excluir

✵ Sou a favor da liberdade de expressão então se expresse como você quiser ✵

❤ Você pode discordar de mim, pode defender sua ideia, mesmo sendo contraria a minha, mas entenda que é meu blog, e eu vou defender minha ideia até o fim. Eu apenas vou recuar caso tenha percebido algum erro ou equivoco meu. Então essa é sua chance, seja claro e aberto. Todos são bem vindo... Menos pessoas sem emocional para lidar com opiniões diferentes e descem a xingamentos e ameaças ❤

☞ Mas evite ser desnecessariamente rude, pois eu respondo os comentários com o mesmo peso da sua, respeito é sempre bom, você pode discordar de mim, eu não sou dona da razão, mas você também não é. Lembre-se, o blog é meu ☜

♛ Evite por spans, se for para vir comentar que seja porque você tem interesse na postagem e não por auto-divulgação ♛

( ͡° ͜ʖ ͡°) Comentários sexualmente explícitos e vulgares são excluídos ʕ・ิɷ・ิʔ

✎ Existe uma opção de receber respostas pelo e-mail evitando ficar visitando meu blog para ver se obteve resposta (e evitar gerar números falsos), o nome é “notifique-me”, as respostas irão para o seu e-mail (para desabilitar ficar recebendo respostas, a opção está no e-mail)

⚛ Isso é um blog de opinião pessoal. Não é "site de noticia", não é propriedade de ong ou empresa comercial, logo não precisa ser imparcial ou seguir alguma regra de alguma empresa ou pessoa privada alheira. Eu sou apenas uma pessoa aleatória, sem importância social, que escreve nas horas vagas ⚛

"EU DISCORDO DO QUE VOCÊ DIZ, MAS DEFENDEREI ATÉ A MORTE O SEU DIREITO DE DIZÊ-LO" - Voltaire

Mais regras aqui

LinkWithin

Related Posts Plugin for WordPress, Blogger...