sábado, 25 de julho de 2015

Horrorcore: O dia que a fantasia se tornou real

Você acha que musicas influenciam pessoas?
Mas influencia-las fortemente?


Eu curto musica pop e metal... E essas musicas não falam sobre corações ou algodão-doce
Eu cresci ouvindo metal (influencia dos meus irmãos), essas musicas sempre carregavam uma letra pesada e até agressiva, e sertanejo (influencia do meu pai), essas musicas tinham letras que até falavam sobre sexo e de amor de uma forma muito adulta (eu não goto muito de sertanejo, odeio sertanejo universitário... Certas musicas do sertanejo universitário lembram meu ex, e não tem como evitar ouvir, todo mundo escuta essa merda)
Não tem como negar que isso não me influenciou, muitas musicas me fizeram questionar e refletir sobre diversos assuntos... Mas eu já ouvi musicas sobre querer matar alguém... E eu nunca matei alguém (literalmente, eu sou vegetariana)
Existe uma briga entre os estilos, pessoas de estilos paralelos fazem criticas uns aos outros
Uma delas é a exposição das crianças a essas musicas
Todo mundo já ouviu que rock é coisa de satânico, forró é coisa de pobre, pagode é coisa de ladrão, pop é de gay, sertanejo é de corno (realmente é), funk é de prostituta (realmente é) e etc.
Nós sabemos da realidade, sabemos o como é uma cabeça de uma criança e uma cabeça de um adulto, e sabemos até aonde isso pode influenciar (e cada um tem sua opinião sobre isso)

...
Ok... Você se perguntou que era o primeiro cara? 
Bem... Vou contar uma historia
...

____________________________________________

Musica e ódio
Algumas pessoas sofrem na vida e são excluídas, elas acabam criando um ódio da sociedade e se afastam, então vão procurar um espaço dentro das sub-sociedades, os seguidores do Horrorcore são um deles
Horrorcore é um tipo de rap que fala sobre morte e sexo (glorifica essas coisas)
Mas todos sabem que é sempre o ao contrario... Por exemplo, funk carioca glorifica o dinheiro, mas a maior parte dos seguidores é extremamente pobre... No caso do horrorcore são pessoas que jamais mataram uma pessoa, mas morrem de vontade de fazer isso
Mas... Acontece que... Se você pesquisar um pouco vai achar uma pequena lista de pessoas que mataram escutando esse tipo de musica (não, não vai, você vai estragar a surpresa)

Bem, essa é a Emma Niederbrock, sua amiga Melanie Wells e a rapper Razakel
Emma era fã desse estilo (ah, ela nunca matou ninguém, e não matara alguém nessa historia)
Um dia ela finalmente iria conseguir ver um show de uns dos seus rappers favoritos, a Razakel

Dentro do grupo ela conheceu esse cara:
O nome dele é Richard, e o sonho dele é ser rapper dentro do estilo horrorcore...
Veja um de seus trabalhos:
(Syko Sam - I Kill People For Real)

O cara tinha até um site:


 A Emma ficou interessada nele... Mas quando o conheceu ficou decepcionada, ele não era como mostrava nas fotos... Ela começou a agir de forma fria e a ficar afastado dele... esse comportamento o deixou furioso, ele tentava se aproximar mas ela só o tratava como amigo
Na internet eles eram praticamente namorados, mas ela o frustou com seu comportamento que ele não esperava
...
Numa noite ele decidiu que não iria ficar assim, enquanto todos estavam dormindo ele pegou um machado e matou as duas meninas e os pais dela
O corpo ficou por dias na casa, até que ele contou o que fez para um amigo e a policia o prendeu
Ele até tentou fugir, ele não mostrou remorso ou sentimentos pelas pessoas que ele matou
De acordo com ele, ele usou drogas na noite do crime... Mas a ultima morte (a do pai da garota) ele matou completamente sóbrio...

E sem falar que ele é sádico
Mais detalhes do crime aqui

Por ser uma cidade pequena, as pessoas começaram a culpar a musica pela acontecido, as musicas (se você quiser pesquisar e ouvir... Eu não recomento, não tem muita qualidade) sempre falam sobre morte e sexo de uma forma como se isso fosse algo bom...

_______________________

 Na minha opinião isso não tem logica, sendo assim as garotas deveriam ter cometido crimes também, já que elas eram seguidoras desse estilo... Acha que uma menina dessa mataria alguém:

Razakel, a rapper acompanhou o caso de perto e ficou estremante chocada e emotiva com os assassinatos... Razakel nunca machucou ninguém (talvez os ouvidos)
A questão é que pessoas de diversos estilos matam todos os dias, um assassino não procura um estilo, ou um motivo, se procurasse motivos simplesmente não faria
O cara era um egoísta doente e fez o que um egoísta doente faria em pressão (uma cagada)
Alias, eu sempre digo isso (pois é realidade): 99% dos presos são crentes, boa parte deve ouvir musicas que falam sobre amor
Somos adultos, sabemos o que acontece se machucarmos alguém, sabemos o que acontece se matarmos alguém (a pessoa morre)... Ninguém é idiota ou um robô que vai fazer o que mandarem...

É muito fácil culpar um estilo, pois é fácil culpar coisas do que tentar entende-las




Nenhum comentário:

Postar um comentário

✵ Sou a favor da liberdade de expressão então se expresse como você quiser ✵

❤ Você pode discordar de mim, pode defender sua ideia, mesmo sendo contraria a minha, mas entenda que é meu blog, e eu vou defender minha ideia até o fim. Eu apenas vou recuar caso tenha percebido algum erro ou equivoco meu. Então essa é sua chance, seja claro e aberto. Todos são bem vindo... Menos pessoas sem emocional para lidar com opiniões diferentes e descem a xingamentos e ameaças ❤

☞ Mas evite ser desnecessariamente rude, pois eu respondo os comentários com o mesmo peso da sua, respeito é sempre bom, você pode discordar de mim, eu não sou dona da razão, mas você também não é. Lembre-se, o blog é meu ☜

♛ Evite por spans, se for para vir comentar que seja porque você tem interesse na postagem e não por auto-divulgação ♛

( ͡° ͜ʖ ͡°) Comentários sexualmente explícitos e vulgares são excluídos ʕ・ิɷ・ิʔ

✎ Existe uma opção de receber respostas pelo e-mail evitando ficar visitando meu blog para ver se obteve resposta (e evitar gerar números falsos), o nome é “notifique-me”, as respostas irão para o seu e-mail (para desabilitar ficar recebendo respostas, a opção está no e-mail)

⚛ Isso é um blog de opinião pessoal. Não é "site de noticia", não é propriedade de ong ou empresa comercial, logo não precisa ser imparcial ou seguir alguma regra de alguma empresa ou pessoa privada alheira. Eu sou apenas uma pessoa aleatória, sem importância social, que escreve nas horas vagas ⚛

"EU DISCORDO DO QUE VOCÊ DIZ, MAS DEFENDEREI ATÉ A MORTE O SEU DIREITO DE DIZÊ-LO" - Voltaire

Mais regras aqui

LinkWithin

Related Posts Plugin for WordPress, Blogger...