terça-feira, 13 de outubro de 2015

A publicidade vs. sentimentos infantis


Primero eu quero pedir desculpas pelo meu sumiço e quebras de promessas, eu não estou negligenciando o blog, é que eu estou resolvendo umas coisas sobre aonde eu vou fazer o meu curso para me especializar na área que eu vou trabalhar, daí vai e volta (porque a minha cidade é pequena e não tem muitas escolas do tipo, eu tenho que viajar até Marília SP para resolver isso)... E o tempo estava tão doido que foi difícil vir até o computador (não tenho internet em casa, a internet fica na casa do meu vô)

Mas chega de enrolar, vamos direto ao assunto...





Mas primeiro...

Uma curiosidade... (Esse post será uma introdução do próximo... Eu preferi separar)

Como eles (as empresas) exploram a fragilidade das crianças
Por isso um monte de gente “fraca” (comunistas) tem tanto medo do capitalismo, porque é liberdade, mas essa liberdade pode virar um monstro e devorar o que estiver em baixo
A publicidade tem um alvo, e esse alvo tem que ser atingido ela usa meios como a mídia para alcançar o alvo, mas melhor ainda: Você pode colocar coisas que atraem o alvo, ficando mais fácil o acerto...
O que tem haver?...
O alvo é o público infantil... O que atraem as crianças?
...
A coisa é um tanto obscura... Não, ela é obscura
As vezes... Errr... Muitas vezes a publicidade usa sentimentos humanos para atrair o alvo, e muitas vezes de uma forma subliminar, porque subliminar funciona mais se a mensagem real estiver descaradamente a mostra...
É simples:
"Compre isso" não funciona... Mas "Você precisa disso, obtenha isso" funciona!
E como passar isso para as crianças?
Criança e pré-adolescente é um bicho fraco de cabeça, na verdade com eles o "compre isso" pode funcionar... Mas a concorrência dificulta, é ai que a tática de usar sentimentos humanos entram...
Nossa, por que eles fariam isso com uma criança?... Não, a pergunta certa é "por que não?"
Vamos pensar...
A propaganda quer fazer você acreditar que precisa comprar algo, mesmo que não precise, você não precisa de um tênis de marca X, mas você quer... Porque? Porque todos têm? Porque é popular? Porque vai te fazer popular? Porque aquela celebridade disse que usa (mesmo que nunca usou)? Então o "eu quero o tênis X", vira "eu preciso"
Você não precisa de uma casa maior, você não precisa ter mais roupas, você não precisa de roupas de marca, você não precisa de um carro caro...
Mas a propaganda faz você querer e acreditar que você quer
...
Eles precisam vender, a “economia gira assim”

E com crianças?

O que as crianças precisam?
Se pergunte isso...
Mas vamos dividir em 2, a resposta dos pais e as respostas dos filhos...
O que um responsável diria que seu protegido precisa? Saúde, educação, entretenimento, alimentação?
E as crianças? Entretenimento, entretenimento, entretenimento, comida! Comida!

O que a propaganda pode conseguir com isso?
Que tal... Um hambúrguer... Que vem com um brinquedo... Mas que é educativo!
Mc Donalds!

Alimentação, entretenimento e “educação”!
“”””“educação””””””

Mas... Tem mais...
Até aqui as coisas são fácies de aceitar... E que tal isso...

Sabia que a Mc Donalds não é nada saudável... Sim, todos sabemos disso, sabemos que seus produtos podem dar câncer, que de onde vem a carne não é nada ecológico e totalmente cruel com os animais (porque quando mais o animal sofre, mais a carne fica macia)... Mas ai eles vão colorir tudo, vão recompensar com um grande presente (que na verdade é uma merda feita de plástico fabrica com mão escrava vinda da China)
...
China ou Vietnã... Alguns produtos andam vindo da Vietnã...
...

Acho engraçado quando um vegano fala que come no Mc Donalds, ou em qualquer lugar como esse, a ética de lá é 0... Você é vegado só de fachada né?
...
Brinquedos, a maioria vendida em lojas saem da mão escrava desses lugares, é só ver o made in, e vai estar lá, o produto manchado de sangue... Produtos para crianças... Feito por outras crianças...

Indo mais fundo...
A concorrência aumenta, é quando eles começam a apelar para o sentimento mais humano... Que é a carência...
Todo mundo tem carência em alguma coisa... Não vire a cabeça pro lado para disfarçar... A propaganda usa isso para dizer que tal produto vai preencher seu vazio, ou vai te trazer pessoas novas que vão te preencher... Bebidas alcoólicas são o grande exemplo... (Beba, as pessoas vão te achar mais legal)
Crianças?
O mundo moderno está cada vez mais rápido, as pessoas trabalham o dia todo para comprar coisas que não vão durar muito, então trabalham mais ainda para comprar mais... A violência aumenta, hora de comprar uma proteção (segurança), vamos trabalhar mais... A saúde! Vamos trabalhar mais... E mais... E mais...
No meio, perdidas... Ficam as crianças olhando os adultos... O mundo dos adultos...
Acontece que com a modernidade as crianças ficam negligenciadas de alguma forma, ou os responsáveis não tem tempo, ou deixam a criança sozinha em algum lugar, aonde ela descobre coisas por si própria...
(não vou me aprofundar aqui, se não vai ficar muito longo)

Um alguém para admirar
Uma coisa que os tutores esquecem... E que a propaganda não é a culpada totalmente, é que crianças precisam de alguém para seguir... Criança nasce como um papel em branco pronto para ser colorido, e elas precisam ser coloridas... Você não pode as trancar em algum lugar para que sua inocência seja guardada, isso não funciona, dá em merda...
É natural que as crianças sigam alguém, ou mais de uma pessoa... É sempre a mãe ou o pai... Ou mais ainda um irmão mais velho... Um tio, o avô... Mas tem alguém que ela olhe para cima e admire
As pessoas sempre procuram alguém ou algo para seguir ou refletir suas emoções, por isso religiões existem, é preciso ter algo que diga coisas que as conforte ou os diga o que é o certo ou errado... Algumas pessoas não crescem e não podem fazer isso sozinhas (por isso religiões existem até hoje)

Mas e as crianças?
E quando os adultos estão muito ocupados trabalhando ou se divertindo? Ou quando o tutor não é alguém legal (na visão delas)...

Eu tenho algo aqui...

Que tal um irmão mais velho, alguém protetor, inteligente, brincalhão e legal?
(Dino, Danoninho)

(Max Steel, Mattel)

(Ben10, Não sei o nome da empresas... Cartoon?)

Uma irmã mais velha: Alguém delicada, feminina, decidida, popular, carismática e cheia de amigas
(Barbie, Mattel)

(Polly, Mattel... Também?)

Porra, Mattel!

Que tal um pai: Alguém protetor, carinhoso, forte e compreensivo (por issoeles olham para baixo)
(O primeiro e mais fodão Max Steel, Mattel)

(Tigre, Sucrilhos)

Sim, Shrek! Ele tem todos os traços de um paisão, assim como Manny
E outros personagens, aonde o líder tem esses traços, as crianças se sentem mais carisma por personagens assim

(o Barney... MUITO MEDO DESSE BICHO)

Uma mãe: Alguém que conte historias, conforte, seja divertida e confiante
(Sim, Galinha Pintadinha, sempre são personagens femininos que cantam e dançam)

(Xuxa, ensinado as crianças a fazem pacto com o papai Satam, nisso entram as apresentadoras de programa infantil... E o porque delas serem mulheres... Entendeu agora?)


É ai que saem os ídolos... Porque você acha que crianças gostam tanto de vlogger? Porque eles conseguem fazer esse papel de substituir alguém (a maioria um irmão)
A propaganda viu isso e começou a investir nisso, a criar personagens com traços familiares na qual crianças possam se sentir confortáveis e dependentes e transformar o personagem em um ídolo, então a criança vai consumir tudo aquilo que o personagem disser para consumir, por isso desenhos vivem de propaganda, por isso empresas de desenhos ou programas infantis como Cartoon Network e a Nickelodeon investem pesados em personagens, eles não pensam nas crianças e sim no dinheiro que elas gastam
Está aqui a resposta

E isso explica o porque que tais personagens fazem tanto sucesso com crianças, e um alerta para os pais
As vezes esses personagens passam uma mensagem errada para as crianças

Lembre-se, a culpa não é das empresas, esse é o jogo, eles fazem de tudo para vender, você que escolhe o que entra na sua casa ou não, você que escolhe o que sua criança vê ou não
O certo é não deixar a criança na frente da TV sozinha

Se você não pode cuidar disso, não pode ficar um bom tempo educando uma criança simplesmente não tenha filhos, ou adote uma criança grande 
Se você acha que não pode abrir mão de sair com os amigos para cuidar do seu filho, não tenha crianças de jeito nenhum, por favor, já estamos cheios de pirralhos negligenciados que já acham que são adultos pois os responsáveis não estão ali, e pare de culpar a internet e a TV, quem paga as contas de casa é você, são as suas leis que estão falhando
Se uma empresa fabrica alguma coisa, é porque está vendendo, e adivinha quem é que paga isso?




....


....



...

10 comentários:

  1. Que introdução interessante! Já aguardo com ansiedade o próximo texto.
    Eu lembro que na minha infância sonhava em ganhar uma sapatilha da Barbie. Em meados de 2001 a moda era o tamanco da Carla Perez, e me lembro com perfeição da inveja que nutria das meninas "populares" da escola, elas tinham o tamanco mais eu como boa pobre que sempre fui, não tinha condições de ostentar um tamanco da Carla Perez, escrevendo isso agora parece ridículo, mais é realmente o que a propaganda faz, nos torna ridículos.
    Depois veio o grupo Rouge. Não consegui comprar os Cds, mais dessa vez pude ter a sandália e acredite, fiquei popular por isso.

    Você tem medo do Barney. E eu tenho da Peppa, eu na verdade odeio ela, odeio muito.

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Na minha época era Rebelde, eu cheguei a comprar figurinhas deles porque todo mundo falava sobre isso, mas eu nunca consegui assistir a novela, a novela é estereótipo do que é ser adolescente


      Medo da Peppa? heheueheuehueheheueheuheuehe

      Excluir
    2. Eu também tive um álbum da Rebelde, cheguei a discutir com uma ex amiga por causa de figurinhas.

      Excluir
  2. Publicidade atinge os papais mesmo, porque pessoas com más condições não vão comprar algo que não possam, é o orçamento, por exemplo, quando eu era criança, eu assistia muito desenho, principalmente a barbie nem por isso sou a mimada que pedia tudo que tinha Barbie no nome eu sei das condições de meus pais, é a cabeça fraca das crianças por causa da carência de seus pais, por isso elas até tem essa interpretação carinhosa por personagens fictícios, a tv estraga criança, quando eu tiver um filho vão ser 1:30 de televisão e acabou!

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. hehehe que foi pobre não podia ter isso, eu sei bem disso
      Você não foi mimada, mas tem muita criança que fica doente para ser mimado e doente por causa de uma Barbie, é complicado

      Excluir
  3. A verdade é que a mídia torna todo esse " mundo " interessante. Atrai os pais, e as crianças. Você colocou o gif do " Incrivel mundo de Gumball " e eu tipo, amo!! kkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkk

    Eu tinha uma bota de Xuxa, que vinha com um relógio. A porcaria do relógio pifoo, e minha mãe não deixou eu usar aquilo acredita? Mas as crianças acabam sendo influenciadas por toda essa coisa.

    É raro quando você encontra uma criança que prefere livros, do que uma barbie. Que prefere bonecas de pano, do uma Monster alguma coisa. Eu adoro a literatura infantil, mas aquela mais antigas. Eu tenho muitos livros desses, daquelas bem antigos mesmo. Eu guardei + ou - uns 100 á 150 livros, desse tipo. Para quando eu " pensar " em filhos. Eu quero, criar meu filho ou filha de outra maneira. Não sei, se vai dar certo, mas vale a pena tentar.

    Se os Pais criarem a criança com princípios básicos, tem certeza que ela não se tornará desse jeito. Para ser "mimada" família tem levantar o ego da criança. Dar tudo que quer, na hora que quer.

    Eu já observei adolecentes gritando com a mãe querendo alguma coisa. Que coisa mais horrível, mas vai da criação sim. Ensine seu filho caminho correto, ele sempre se lembrará.

    ( Mas tem excessões ... ¬¬ )

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Eu amo o Ricardo, ele é meu animal espiritual!!!!!!!11!!!!

      Você disse que sua família é unida, umas 40 e tantas pessoas (deve ter cada barraco), percebe que você tem todo mundo em sua volta? Dai é normal você se interessar por literatura e outras coisas porque seu coração já está completo, dai você vai atrás de coisas que preencha o que falta

      Crianças com uma boa base família costumam se tornar adultos completos, crianças com familiares agressivos se tornam agressivas e inseguras, crianças com pais depressivos acabam se tornando depressivos também... E ai vai
      Crianças com pais não presentes procuram preencher o vazio em coisas materiais ou em outras pessoas

      Não é uma regra, muitas pessoas boas vieram de lares desajustados e se tornaram pessoa incríveis, muitas pessoas ruins viram de lares completos e se tornaram pessoas ruins, dai entra a personalidade da pessoa

      Tem exceções, mas tem seguimentos

      Excluir
    2. O Ricardo é uma graça, mesmo sendo meio retardado. Eu amo o dublador do Darwin, se eu tivesse um filho que nasce com essa voz, eu tipo ia entrar em coma de tanto amor....

      Excluir
  4. Vish...

    A minha infância foi louca, eu só tinha brinquedos dados de presente por alguém e de vez em quando, porque a minha mãe era uma vagabunda solteira que nunca trabalhou pra me dar nada, era o contrário, ela que me usava pra conseguir dos outros o que queria: boa vida.

    Já tive algumas coisas como a sandália da xuxa com um relógio, eu amava a sandália, mas a infeliz furava o meu tornozelo, teve um dia que eu fui passear e voltei descalça pra casa, daí minha mãe jogou a sandália no lixo, o relógio nunca funcionou.

    Tive uma única barbie e um bebê da estrela, as outras eram bonecas falsificadas, imitações mesmo, mas eu ficava muito alegre se alguém me desse qualquer coisa de qualquer marca, porque não tinha quase nada.

    Meu maior pesadelo era a escola, meu avô que pagava, então eu era uma criança miserável no meio das crianças ricas.

    Lembrei do rouge, quem tinha o cd era tratado como um rei/rainha na escola, na época em que o salário mínimo não chegava a 200 reais um cd era 24 reais, absurdo!

    Eu sonhava em colecionar tazos, aqueles de salgadinhos, mas era pobre até pra isso, então ficava implorando pra ver as coleções das outras crianças.

    Na minha época crianças não tinham celular, a moda era ter um tamagotchi, e eu tinha um vermelho, acordava de madrugada pra dar comida para aquele bicho virtual hahahahahaha!

    Daí chegaram os celulares A40 da oi (com aquela anteninha lindaaaa) e todas as crianças da minha classe possuíam esse aparelho, e eu não tinha dinheiro nem ninguém interessado em me dar, meu primeiro celular foi um A50, a esposa do meu avô que me deu de presente, mas eu já tinha 12 anos...

    Acho que nisso se resume as únicas coisas que tive na infância, eu ficava triste nas datas comemorativas por não ganhar nada, nunca tive uma festa de aniversário ou uma noite de natal com brinquedos, e não tinha ninguém para eu cobrar ou reclamar (se eu reclamasse apanhava), então me deprimia, porque sabia desde cedo que era uma desgraçada sem sorte, isso que dá ser literalmente uma filha de uma puta qualquer.
    E adivinha, infelizmente eu não morri.


    Creio que preciso de uma terapia pra esquecer essas coisas...

    );

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Se você ainda sente que isso te machuca... Precisa sim hehehhe
      Ou precisa encontrar alguém que te esculte e que você fale todas as suas magoas até que elas sejam renovadas

      É difícil lidar com magoas, talvez sua mãe não entenda ou não procure entender, mas você não é obrigada a perdoar ainda mais porque era responsabilidade dela te dar uma base, ela falhou ai
      Você tem direito de sentir mal por isso, é uma coisa que você teve que lidar sozinha

      Excluir

✵ Sou a favor da liberdade de expressão então se expresse como você quiser ✵

❤ Você pode discordar de mim, pode defender sua ideia, mesmo sendo contraria a minha, mas entenda que é meu blog, e eu vou defender minha ideia até o fim. Eu apenas vou recuar caso tenha percebido algum erro ou equivoco meu. Então essa é sua chance, seja claro e aberto. Todos são bem vindo... Menos pessoas sem emocional para lidar com opiniões diferentes e descem a xingamentos e ameaças ❤

☞ Mas evite ser desnecessariamente rude, pois eu respondo os comentários com o mesmo peso da sua, respeito é sempre bom, você pode discordar de mim, eu não sou dona da razão, mas você também não é. Lembre-se, o blog é meu ☜

♛ Evite por spans, se for para vir comentar que seja porque você tem interesse na postagem e não por auto-divulgação ♛

( ͡° ͜ʖ ͡°) Comentários sexualmente explícitos e vulgares são excluídos ʕ・ิɷ・ิʔ

✎ Existe uma opção de receber respostas pelo e-mail evitando ficar visitando meu blog para ver se obteve resposta (e evitar gerar números falsos), o nome é “notifique-me”, as respostas irão para o seu e-mail (para desabilitar ficar recebendo respostas, a opção está no e-mail)

⚛ Isso é um blog de opinião pessoal. Não é "site de noticia", não é propriedade de ong ou empresa comercial, logo não precisa ser imparcial ou seguir alguma regra de alguma empresa ou pessoa privada alheira. Eu sou apenas uma pessoa aleatória, sem importância social, que escreve nas horas vagas ⚛

"EU DISCORDO DO QUE VOCÊ DIZ, MAS DEFENDEREI ATÉ A MORTE O SEU DIREITO DE DIZÊ-LO" - Voltaire

Mais regras aqui

LinkWithin

Related Posts Plugin for WordPress, Blogger...