sábado, 14 de maio de 2016

Ela nunca pediu desculpas... ► A primeira vez que meu coração foi partido

Em relações eu sempre fui a emotiva, uma coisa que comprova isso é uma história bem antiga, na qual eu nunca esqueço, e nem consigo... 
Na verdade, eu consigo ainda cruzar os braços e fazer biquinho...



Isso foi antes da sexta série, eu não lembro em que serie eu estava, mas lembro que foi na escola que ia de primeira a quinta série... Eu era apenas uma criança inocente, mas já tinha uma bunda doida por poucas coisas... Mas que para mim era enormes (as coisas, não a bunda)
Eu tinha muitas amigas na época, mas uma delas era a minha melhor amiga... eu só tive 2 melhores amigas na minha vida, na qual não fazem mais parte da minha vida... Infelizmente... Não nós não brigamos, apenas a vida separou nossos caminhos... Essa minha melhor amiga era perfeita, eu lembro que ela era bem magra, tinha cabelos preto e pele morena, dois olhos grandes e escuros, e um sorriso bem cativante... ela era bem divertida, ela não entendia nada do que eu falava (ninguém entendia, ninguém ainda entende, é um coisa que nunca mudou), mas ela ria de mim, e eu ria do quando ela ria, então éramos como hienas sem noção... Ela era boa para mim, porque eu nunca me sentia só do lado dela, mas a parte ruim é que perto dela eu ficava rindo sem motivo o dia inteiro e acaba atrasando estudos...
Eu lembro que a única coisa que nós fazíamos era copiar o que escreviam na lousa e depois entregava o caderno, e você tirava nota pelo que copiava (sim, esse era a tática de ensino na época), e meu caderno era meio vago, porque eu ao invés de copiar aquelas coisas na lousa que eu não compreendia, eu ficava rindo dela, dela rindo de mim (não sei como formar essa frase final hehehe)...
Mas nada era penas flores, um defeito dela era que eu a considerava como única minha parceira... Mas ela tinha outras amigas, na verdade várias meninas na qual ela considerava como "melhor amiga", eu ficava bem mal quando ela me deixava de lado para rir das outras meninas, e com o tempo isso ficou frequente, ao ponto dela me abandonar para ficar ao lado de outra menina... Mas como eu gostava dela, então eu tive muita paciência...
Eu não entendia aqueles sentimentos na época, mal sabia que eu estava com um baita de um ciúme, e a minha fidelidade ao me recusar a considerar outras meninas como minhas melhores amigas... Porque minha melhor amiga era ela... E eu poderia fazer isso, tinha várias meninas em volta de mim...
Até que um dia tudo chegou ao seu limite... Um dia eu e ela decidimos fazer pulseiras da amizade (enquanto a professora escrevia na lousa como maquina), me lembro de eu e ela sentadas no fundo rabiscando o papel (me lembro de como era a sala, lembro que atrás tinha uma estante de livros infantis, na qual a maioria estava destruído, me lembro das cores com tons deprimidos na parede, e de como a organização das mesas falhava), colocando gliter no papel, e escrevendo os nossos nomes... Eu estava bem disposta a dar o meu melhor, em fazer algo especial... o meu papel ficou um lindo desastre, todo mal rabiscado (mas eu acabei com meu pulso para colorir) e com gliter demais, eu que demorei mais do que ela para fazer, eu me esforcei mais... Eu coloquei meu pequeno coração ali... E pronto... Era só cortar, e a pulseira de papel e cola estava feito (você não pensou que seria pulseiras reais? Éramos pobres!)
Eu dei o meu para ela e ela deu o dela para mim, eu fiquei bem feliz, meu coração se encheu de carinho, o papel pinicar meu braço não era nada como a felicidade salpicar meu coração...
Ok... Hora do recreio e a menina some... Ah, lá estava ela com outras meninas... Ok... Eu então sozinha vou para o banheiro e... Oh... Oh não... Oh não mesmo! O que é isso no chão!?

Eu pude reconhecer meu garrancho de longe, estava lá jogado perto do lixo, a pulseira que eu fiz para ela, tudo parou, eu fiquei bem triste e confusa... Eu não poderia deixar isso assim... Eu fui como um dragão chinês atrás dela, soltando faísca e com um sorriso forçado no rosto, puxei ela pelo seu braço fino e levei para o banheiro... O que é isso Helen!? Como isso foi parar ai!?

Ela mal olhou... Eu lembro dessa cena tão bem, os flashbacks vem na minha cabeça, mas com adicionais, agora tem música de fundo


Ela me olhou e deu uma desculpa, eu vi nos olhos dela que tudo era uma desculpa... Ela não olhou muito para o chão, ou seja, ela sabia que aquilo estava ali, ela sabia... Ela apenas disse que deve ter caído... E saiu... Voltou para as outras vadias mirins como se nada tivesse acontecido
Eu fiquei sozinha ali, aquela foi a primeira vez que meu coração partiu, não foi um menino, nem quando eu descobri como a carne era feita, ou que gatinhos morrem... Foi a minha melhor amiga, ela me traiu!
Eu me lembro de ficar bem triste, mas eu não chorei, porque eu estava confusa, uma parte de mim queria acreditar que aquilo que ela disse era real, que ela deixou cair... Então... Porque ela então não pegou de volta... Porque caiu bem ali... Perto do lixo?... Porque ela então não foi sincera... Não me disse que não gostou... Porque ela não ficou ali e me consolou? Porque as outras meninas são mais importantes do que eu agora?

Meu coração partiu... Meu coração... partiu...
Ei cheguei a pegar o papel, eu me lembro disso, mas eu apenas jogue no lixo e vi com meus próprios olhos o papel fazendo uma leve curva na queda, e tentar cair para fora do lixo, então foi isso que aconteceu? Eu levei a minha pulseira para casa, porque aquilo foi um presente, mesmo todo o momento tenha sido destruído, aquilo ainda era especial...
Ela nunca pediu desculpas, eu fiquei por semanas fazendo alguma careta... Deixando bem claro que eu não estava feliz, que... Olha o alerta! Nossa relação está em crise! Eu quero conversar! Como assim o papel caiu no chão!? Como assim você não se lembra mais disso!? E ela nunca me deixou falar o quando eu estava magoada... Ela nunca pediu desculpas!
As coisas mudaram depois dessa, nós rimos menos, ela esteve mais para lá do que para perto de mim, e eu não fui mais tenta resgatá-la com frequência, a partir daí eu me lembro de estar com outra menina encostada em um dos pilares da escola, enquanto ela estava com outras meninas... Rindo... Aquela menina era minha nova parceira, cabelo loiro e curto, quase sempre com frio, quase sempre com algum agasalho, quase sempre aquilo parecia um sobretudo, quase sempre com alguma touca na cabeça... ela era legal até... Também não entendia o que falava... Ao invés de rir, ela tentava entender... Mas eu não podia explicar, porque eu também não entendia o que eu falava... Eu não podia explicar, porque alguém jogou meu coração no lixo, mas ele agonizou no ar, dançou no vento e caiu no chão... E despedaçou... Havia tanto gliter ai... Que o deixou pesado demais para voar novamente... Mas pelo menos ela ainda está rindo ali...

Essa é a memória fixa que eu tenho na cabeça, o resto são pequenas coisas, mas isso eu nunca esqueço... Nunca, mas nunca que eu vou esquecer da imagem do papel semi dobrado jogado no chão, da lata de lixo ao lado, da luz pobre invadindo o banheiro, nem das portas semiabertas, parece uma foto na minha mente... Queria dizer que foi ali que eu aprende que não se pode amar as pessoas tão cedo... Mas eu ainda estou aprendendo...

...
Caramba... Como eu era e ainda sou chata!
...
Por isso que não se devem partir meu coração!



10 comentários:

  1. Sua descrição foi tão perfeita, que imaginei a cena enquanto coloquei a música de fundo... Senti sua dor.
    Sabe isso também já aconteceu comigo Cecy, Também já fui traída por uma amiga muito próxima. Ela após me magoar, simplesmente me esqueceu. Tentei contactá-la mas ela não me respondeu...
    Sei que você não foi chata, foi apenas verdadeira com ela e com suas emoções.
    Adorei esse post melancólico!

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. heheheh, complicado amar pessoas, se elas decidem não te amar de volta

      Excluir
  2. Uau! Nunca li algo tão sentimental assim, quase chorei (principalmente ouvindo essa música de fundo...)
    Você não foi chata, ela realmente fez algo que magoaria qualquer um. Eu me lembro de ter uma amiga que vivia brigando comigo (tipo, eu não sabia que ela estava brincando de pique-esconde e daí eu contei para minha amiga que tinha achado ela sim e a localização dela... ela ficou sem falar comigo por três dias e eu fiz uma carta pra ela e ela amassou...)

    O post ficou muito bom. Parece até cena de livro.

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. sua amiguinha era problematizadora e orgulhosa, eu conheço o tipo, hehehe

      Excluir
  3. Nossa, está bem gravado mesmo na sua memória. Acredito que todo mundo foi partido de uma certa forma nessa época. Eu mesma lembro de uma garota chamada Vanessa, que eu gostava muito, que prometiamos tantas coisas, escrevia " Vamos ser amigas pra sempre" e eu tão cega nunca enxerguei o veneno escorrendo das palavras que ela anotava no fundo do caderno, ou na minha agenda.
    Sempre vai ter um pra quebrar nosso coração Cecy. É horrível, mas sempre vai... Por isso que o coração não deve ser dado, por total. Porque a queda, é tamanha que a gente nunca se recupera por total. E não, você não é chata. As pessoas são assim, somos substituiveis, facilmente como um absorvente. '-'

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Aquelas que prometem são as piores mesmo
      Pois é, sempre vai ter alguém para quebrar nosso corações, é só deixar a porta aberta que alguém entra e bagunça tudo...

      Excluir
  4. Já aconteceu comigo,é sempre assim você considera uma pessoa sua melhor amiga mas isso não significa que ela sinta o mesmo.eu me lembro que eu estava no 2 ano do ensino médio e já tinha as minhas amigas,sendo que elas tinham amigas em outra sala e neste 2 anos nossas turmas Se juntaram,e elas e eu automaticamente abraçamos essas garotas,e elas eram e ainda são gente muito boa só que eu fui percebendo que elas estavam Se tornado muito próximas e eu não está fazendo parte disso,Eu me lembro que elas foram em um show de um artista estrangeiro muito popular,eu pessoalmente não gostava desse estilo sempre preferi música pesada ou japonesa,mas eu teria ido Se tivesse dinheiro (era muito pobre)só sei que depois desse episódio elas fizeram pulseiras iguais e ficaram usando,e eu não ganhei nenhuma.fiquei realmente triste e quebrada,eu só tinha elas,e eu era uma pessoa muito introspectiva.mais o tempo passou e elas ainda são maravilhosas,nosso tempo de escola acabou mais ainda conversamos e nos encontramos,mais isso eu nunca esqueço me lembro a te hoje das formas das missangas daquelas pulseiras

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. CARA, ISSO JÁ ACONTECEU COMIGO, EU SEI COMO É, sei como é ser deixado de lado, é tão irônico isso, sempre se é a pessoa que mais se dedica que é a deixada de lado, fica lá, como se fosse algo descartável...
      Nossa aconteceu de monte, e eu ainda cantava a volta delas, quando ninguém mais queria eu aceitava fazer companhia, e eu não julgava, fingia esquecer... Fingia... Porque doí... Te entendo...

      Excluir
  5. Não se sinta mal, Cecy, existem pessoas babacas no mundo msm :-/ tbm já passei por isso... fui "amiga" de uma menina durante vários anos, nós até nos mudamos de escola juntas, morávamos uma perto da casa da outra então sempre estávamos praticamente grudadas, eu conhecia a família dela e vice-versa... Eu só tinha ela de amg e sofria bullying na época, até q em um belo dia ela decidiu fzr amizade com as vadias da escola :-) eu disse pra ela q aquilo ia dar merda mas ela não quis me escutar :-D ela me trocou por um bando de putinhas pra correr atrás dos meninos da escola e dizia q eu apenas entenderia o q ela fazia qnd eu me apaixonasse por alguém. Ela tbm pisou na bola várias vezez comigo antes, mas eu nem me lembro mais... Dps ela fingiu q nunca me conheceu, sendo q ela smp dizia q nós seríamos amgs pra smp... Da última vez q ouvi falar dela soube q ela virou uma vadia... É tão triste ver uma criança legal virando merda e não poder fzr nd pra parar ela. Eu me recuso a me lembrar dela pq ela preferiu fingir q eu nunca existi, então não vale a pena. O q passou, passou. Mas eu não me arrependo por ter sido traída dessa forma por ela, eu era mt boba na época... Foi um dos maiores arrependimentos com alguém q eu já tive na minha vida e eu não dou mais importância. Às vezes, a gnt precisa errar pra aprender e poder viver no mnd. Não dá pra esquecer essas pessoas, Cecy, mas dá pra passar por cima, aprender alguma coisa com a dor e se tornar mais forte o/
    P.S.: Véi, sigo seu blog há anos, raramente comento pq só falo bosta. Adoro as suas opiniões e histórias de vida. Continue smp assim <3

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Só fala bosta? Não, não, só eu aqui falo hehehe
      Oh, garota... A linda e clássica historia do Judas, você dá sua confiança e seu coração para a pessoa e o que ela faz?
      Mas veja, ela perdeu toda a personalidade, muitas meninas fazem isso, acham que a vida é só putaria, pois esse é o modo fácil de viver, não é fácil ter uma relação seria com alguém, não é facil ouvir que está errado de quem ama, mas é fácil viver de mão em mão e ouvir merda pronta
      Ela te perdeu, simples, ela perdeu a oportunidade de ter uma batalhadora do lado

      ...
      Uh, eu vejo que todas aqui tem algo de comum comigo... Todo mundo aqui foi traído porque amou demais... Amar... é tão perigoso... Mas nós estamos aqui para isso não é? Para amar...

      Excluir

✵ Sou a favor da liberdade de expressão então se expresse como você quiser ✵

❤ Você pode discordar de mim, pode defender sua ideia, mesmo sendo contraria a minha, mas entenda que é meu blog, e eu vou defender minha ideia até o fim. Eu apenas vou recuar caso tenha percebido algum erro ou equivoco meu. Então essa é sua chance, seja claro e aberto. Todos são bem vindo... Menos pessoas sem emocional para lidar com opiniões diferentes e descem a xingamentos e ameaças ❤

☞ Mas evite ser desnecessariamente rude, pois eu respondo os comentários com o mesmo peso da sua, respeito é sempre bom, você pode discordar de mim, eu não sou dona da razão, mas você também não é. Lembre-se, o blog é meu ☜

♛ Evite por spans, se for para vir comentar que seja porque você tem interesse na postagem e não por auto-divulgação ♛

( ͡° ͜ʖ ͡°) Comentários sexualmente explícitos e vulgares são excluídos ʕ・ิɷ・ิʔ

✎ Existe uma opção de receber respostas pelo e-mail evitando ficar visitando meu blog para ver se obteve resposta (e evitar gerar números falsos), o nome é “notifique-me”, as respostas irão para o seu e-mail (para desabilitar ficar recebendo respostas, a opção está no e-mail)

⚛ Isso é um blog de opinião pessoal. Não é "site de noticia", não é propriedade de ong ou empresa comercial, logo não precisa ser imparcial ou seguir alguma regra de alguma empresa ou pessoa privada alheira. Eu sou apenas uma pessoa aleatória, sem importância social, que escreve nas horas vagas ⚛

"EU DISCORDO DO QUE VOCÊ DIZ, MAS DEFENDEREI ATÉ A MORTE O SEU DIREITO DE DIZÊ-LO" - Voltaire

Mais regras aqui

LinkWithin

Related Posts Plugin for WordPress, Blogger...