terça-feira, 15 de novembro de 2016

Nazi Paikidze: Pelo direito de não cobrir a cabeça


Uma jogadora de xadrez se negou a ser obrigada a usar o hijab... Ela se encontrou nessa situação quando a competição de xadrez foi acontecer Teerã, um pais Islâmico, essa competição pode ser o maior evento de sua vida, em sua carreira de jogadora de xadrez, mesmo a importância, ela não abriu mão de seus princípios e nem de sua liberdade...
Éééé


Cara, a cena é emocionante, a mulher está um passo de sacrificar tudo por um bem maior, a liberdade pessoal... O estranho é que enquanto feministas agressivas defendem muitas coisas do islamismo, a realidade é que muitas mulheres se sentem ameaçadas com isso... As regras do islamismo são muito pesada sobre as mulheres, eles são muito conservadores, por mais que existam pessoas que querem argumentar que as mulheres do Islã escolhem aquela vida, escolhem aquelas roupas, e logo deveriam deixar que aconteçam, a realidade é que as mulheres no Islã não tem direito nenhuma a nada, ou elas seguem as regras impostas, ou tomam consequências absurdas!

As mulheres teriam que ter o direito delas de usar as roupas que elas querem, se elas querem usar o hijab é problema delas, mas é que o povo do Islã cagam muita regra, fazem isso em suas nações, e se deixarem fazem o mesmo por aqui, sem se questionar sobre o bem estar das meninas

O caso agora é da jogadora de Xadrez Nazi Paikidze-Barnes, uma bela mulher e feminista real que não teve medo de lidar com a pressão, ela bateu o pé no chão e disse que não ia ser obrigada a por o pano sobre a cabeça, ela disse sobre o quanto as mulheres lá tem seus direitos feridos, e que não vai permitir que isso aconteça com ela, e ela luta para que isso pare

"Não vestirei hijab nem apoiarei a opressão às mulheres, mesmo que isso me impeça de disputar uma das competições mais importantes de minha carreira" - disse ela


Os códigos de comportamento do Irã vale até para quem vem de fora, eles não permitem que nenhuma mulher faça diferente, se uma mulher não usa esse pano na cabeça é capaz de pagar multa, ser presa (e ou morta!?)... Com leis tão fechadas e pesadas, alimentadas pela ignorância, está a anos assim e longe de acabar
...
Um dos problemas é que o Irã aceitou fazer a competição, e os organizadores da competição parecem estar se negando a dar apoio para Paikidze, por causa deles aceitarem a competição em sua nação (o único pais a fazer)

Então Paikidze pediu apoio, mas advinha, recebeu pouco... Em comparação em outras lutas ela recebeu pouco apoio!
Como eu disse, estranhamente as feministas ocidentais agressivas apoiam o Islã, elas defendem o Hijab (quando uma mulher é impedidas em nossas nações de usar o pano, elas fazem muito drama, mas quando uma mulher é obrigada, elas ficam quietas)

Mas... tem o fato que quebra todo o sentido da luta dela, o Irã é a nação deles, e eles fazem as regras, e se eles decidem isso, não dá para nada, é a nação deles, regra deles, a escolha mais alcançável dela é não ir e sacrificar essa competição e arranhar a carreira dela (depois de se negar e denunciar, é melhor ela não pisar lá)... Todos os países dizem as suas mulheres a não ir a nenhum pais do Islã, a evitar em estar lá, pelo bem delas...

O triste é que em nossa nação nós permitimos que as pessoas do Islã mantenham suas regras, mas nas nações do Islã não existe esse mesmo respeito...
...
Ah!
Os organizadores responderam... Como eu disse, os organizadores estão se negando a apoiar Paikidze porque Teerã foi o único país a se oferecer para fazer a competição... E eles deram a resposta final, dizendo que as mulheres vão lá por conta própria, risco próprio, que elas teriam que "respeitar" (entre aspas, pois não existe respeito obrigado. O certo seria tolerar) as regras de comportamento do Irã...
Veja:


É triste e revoltante! FIDE é irresponsável! Como levar a competição a um lugar inseguro!? Uma competição feminina... Em um pais Islâmico!? Sério!?
Duro é que eu não posso boicotar o FIDE, por não ser cliente deles... Eu não sei jogar xadrez... Eu apoio a Paikidze, e nisso eu compartilho a luta dela aqui na minha blogosfera!



2 comentários:

  1. As mulheres que seguem o islã são muitos ignorantes. Não sabe que o marido tem o direito de bate, que esses malditos panos tem de se cores neutras e andam com rosa neon por aqui. Se eu fosse ela não iria, ela pode se até estrupada e se presa por isso. Ou morta. A pressão que essa sociedade faz é horrível para mulheres. Os homens podem tudo. Menos sai da religião ou morrem.

    ResponderExcluir

✵ Sou a favor da liberdade de expressão então se expresse como você quiser ✵

❤ Você pode discordar de mim, pode defender sua ideia, mesmo sendo contraria a minha, mas entenda que é meu blog, e eu vou defender minha ideia até o fim. Eu apenas vou recuar caso tenha percebido algum erro ou equivoco meu. Então essa é sua chance, seja claro e aberto. Todos são bem vindo... Menos pessoas sem emocional para lidar com opiniões diferentes e descem a xingamentos e ameaças ❤

☞ Mas evite ser desnecessariamente rude, pois eu respondo os comentários com o mesmo peso da sua, respeito é sempre bom, você pode discordar de mim, eu não sou dona da razão, mas você também não é. Lembre-se, o blog é meu ☜

♛ Evite por spans, se for para vir comentar que seja porque você tem interesse na postagem e não por auto-divulgação ♛

( ͡° ͜ʖ ͡°) Comentários sexualmente explícitos e vulgares são excluídos ʕ・ิɷ・ิʔ

✎ Existe uma opção de receber respostas pelo e-mail evitando ficar visitando meu blog para ver se obteve resposta (e evitar gerar números falsos), o nome é “notifique-me”, as respostas irão para o seu e-mail (para desabilitar ficar recebendo respostas, a opção está no e-mail)

⚛ Isso é um blog de opinião pessoal. Não é "site de noticia", não é propriedade de ong ou empresa comercial, logo não precisa ser imparcial ou seguir alguma regra de alguma empresa ou pessoa privada alheira. Eu sou apenas uma pessoa aleatória, sem importância social, que escreve nas horas vagas ⚛

"EU DISCORDO DO QUE VOCÊ DIZ, MAS DEFENDEREI ATÉ A MORTE O SEU DIREITO DE DIZÊ-LO" - Voltaire

Mais regras aqui

LinkWithin

Related Posts Plugin for WordPress, Blogger...