terça-feira, 14 de fevereiro de 2017

Thauane Cordeiro vs. ativistas ... O drama do turbante

Treta da semana, espero ainda postar hoje a segunda treta da semana... Vamos a primeira
Uma moça chamada Thauane Cordeiro inciou uma discussão enorme na internet após contar um historia, e declara que brancas usaram turbantes.

A discussão dividiu pessoas e fez questões não tão antigas entrarem em incêndio
...
A questão da apropriação cultural


*intro


Os humanos, lá no início de tudo, descobriram uma forma de se expressar usando formas e cores, veio a comunicação, a cultura, a alma de um povo... Então os humanos foram se encontrando, trocando seus conhecimentos, em guerras ou na paz, se misturando, e se tornando o que é hoje.
Tudo que você usa hoje foi feito por diversas etnias, temos várias coisas de culturas marcantes ainda em nossa sociedade, e cada etnia com sua cultura colaborou, positivamente ou negativamente, é o que nós somos hoje

Ai de uns tempos para cá, nasceu um grupo, os conhecidos como justiceiros sociais, uma galera que acredita falar pelos oprimidos, e que vive ditando regras sobre o que é ou não certo. Agora é errado usar coisas que são relacionados a alguma etnia que não seja a sua.
A coisa da apropriação cultural, a ideia inicial, era válida, tinha uma galera que pegava cultura marginalizadas e zombava delas, como de pessoas que pintavam a cara de preto e roupas coloridas para zuar os negros, ou meninas que usavam cocar para zombar de índios... Algo que por anos era visto como engraçadinho, e então a ideia da apropriação colocou em foco o como pessoas que são negras ou indígenas se sentiam em relação a isso, ofendidas com estereótipos.
Índios e negros foram os povos que mais sofreram por aqui, há outros, a humanidade é cheia de sangue na sua história, perseguição por toda parte, ainda estamos nos recuperando dos murros da segunda guerra mundial, judeus sofrem até hoje com o medo, e o Japão ainda tem cicatrizes da bomba... e agora estamos assistindo os fugitivos da Síria...
Etnias que foram devastas por outras etnias e/ou marginalizadas tem de monte na nossa história, e é triste
...
Bem, vocês sabem que de um tempo para cá a moda deu uma mudada, agora está na moda coisas étnicas, peles bronzeadas, cabelos volumosos e lábios carnudos, por anos meninas negras sofriam para alisar o cabelo, porque era considerado cabelo cacheado algo feio, ainda mais cabelo crespo, e então com essa nova moda, meninas de cabelo "não-liso" estão se libertando da chapinha. Eu lembro que na escola, na minha época, nunca via alguém de cabelo natural, nem eu, não tenho cabelo liso, todo mundo sofria para ter cabelo liso, até usavam fios destruídos por tratamentos para ter o liso: cabelo destruído era melhor do que o cacheado/crespo. E agora você vê por aí, meninas usando cabelos naturais, ou perucas para substituir os seus naturais.
A moda foi crescendo, e as meninas brancas queriam entrar nessa moda, começaram a escurecer a pele, a usar perucas de cabelo volumosos, a preencher os lábios, a usar roupas que tem referência a cultura que é dos negros... Opa... Começou o drama...




Você não pode usar. Seus corpo, minhas regras!

Esses dias, uma menina parou o Facebook e iniciou uma discussão enorme, com uma história...


De acordo com ela, ela estava lá na dela, no metro, quando notou que tinha umas mulheres a olhando e comentando, até que uma delas se aproximou e a repreendeu pelo uso de turbante, a mulher que a repreendeu era negra, e a disse que é errado ela fazer isso, porque é branca. Daí a Thauane apenas mostrou que ela tinha câncer e estava usando o turbante para esconder a certa, e ainda por cima deixou claro que o corpo era dela e usava o que quiser, e deixou a mulher sem reação

Isso deu 3 reações, pessoa a favor da Thauane, pessoa contra, e pessoa que não acreditaram que aconteceu aquilo...

E... Bem...

* Ultimamente a internet está forrada de fanfic, começou com a intitulada esquerda inventando historias bizarras, envolvendo crianças e lições de morais, daí a intitulada direita passou a contar histórias exageradas a inventadas... Os dois lados andam perdendo muita a credibilidade


* é provável que seja real como farsa! Pois já deu discussão em várias regiões o uso de roupas étnicas em pessoas não brancas, até pessoas brancas sendo ofendidas e agredidas [https://www.youtube.com/watch?v=KhMvnaVogmg]. Pode ser farsa, pois ela não tem provas. Ela não ter provas tem até uma explicação, se foi algo rápido inesperado, como ela iria pensar em gravar na hora?


* Não foram os negros do passado que criaram o turbante, os primeiros a serem vistos com isso foi os persas, depois no oriente médio, índia e então África, vendo assim, quem se apropriou de algo foram os africanos
*1* Por exemplo, sabia que quem criou o Axé foi um não-negro? Já ouviu falar em um tal de Luiz Caldas? E quem são os maiores consumidores do axé? Muitas coisas usadas por pessoas negras e se tornaram referência do tom de pele, foram criadas por algum povo ou pessoa não negra, e é algo que acontece ao contrário também... Qual o problema disso?
*2* Muitas culturas usam turbantes, MUITAS!
*3* mas se aqui no Brasil é visto como algo dos africanos e por isso é errado um branco usar... A maior parte daqui não é africano, então só os africanos poderiam usar... Ser decesdente de africanos é outra coisa, praticamente todos nós somos descendente! As vezes a melanina não diz muita coisa, tem pessoas brancas que são mais próximas do que um negro [http://www.bbc.com/portuguese/reporterbbc/story/2007/05/070424_dna_neguinho_cg.shtml]... E na África, eles oferecem a cultura aos visitantes para fazerem eles se sentirem em casa. Na verdade, a maior parte das culturas fazem isso, índios por exemplo, quando você entra no território deles, meio que tem que usar suas roupas, sabe aquela coisa de se for a Roma faça como os romanos? Então porque aqui não pode??



* cultura é algo que pertence a humanidade, não a alguém, e um alguém não deveria falar por todos alguém com tanta convecção a ponto de fazer regras
* cadê a defesa pelo multiculturalismo? A cultura foi algo compartilhada por anos, é assim que evoluímos, compartilhando historias, diluindo as cores, porque agora é errado? Querem compartilhar e difundir a cultura com muros em volta??
*1* ah sim, só é apropriação quando a pessoa é branca, ao contrário é falsa simetria








*Skate é da Califórnia


* é fato que muitos negros se sentem mal a ver sua cultura sendo debochada, eu apoio a defesa deles, pessoas que debocham dessa forma merecem uns gritos na orelha. Mas cara, no caso é visto como moda, como algo bonito, todo mundo usando, melhor para você, agora sente que está na moda, está 100%, que zomba é que está por fora
*1* tem negros que se sentem mal ao ver pessoas se beneficiando em algo que por anos foi um problema, foram julgados por causa dessas vestes, but não todos os brancos que faziam isso, ser branco não é ser racista automaticamente, por que todos nós temos que pagar? Por que temos que ficar marcando territórios? Por que respondem preconceito com mais preconceito? Parece que a luta de vocês é baseada em vingança do que aceitação...


* A discussão focal é a moda, e tem gente que leva isso a discussões sobre morte, como se usar turbante sendo branco é apoiar racismo e logo a morte de negros... Cara... isso me lembra esse vídeo: [https://www.youtube.com/watch?v=9U2457cS_rU]


* Não é uma luta pela liberdade, conseguiram, finalmente é okey usar esse tipo de coisa, e mulheres podem se sentir mais seguras e confiantes em usar... Mas ao mesmo tempo não pode? Que liberdade é essa que acaba? Não deveria ser sobre usar o que quiser e se expressar da forma que quiser? Quem está criando essas regras?


* Sobre o capitalismo ficar sugando cultura para criar dinheiro... Ora essa, isso é algo que existe a milênios! Grandes ou pequenos empresários usando a sua cultura ou inspirado em outra cultura, fazendo roupas e assessório e vendendo... Só é errado quando alguém especifico não ganha?


......


Sabe o que é mais triste nessa historia?
Eu anda vendo tanta gente gastando energia por assuntos pequenos, e quando aparece um real assunto, reais racistas ou pessoas que realmente querem ofender, não vejo essa energia
Parece que querer brigar com o que é mais fácil, simplesmente criar um vilão qualquer e gastar energia com algo qualquer e se sentir útil

Eu fico feliz que agora as meninas estão se sentindo segurar a usar cabelo crespo, não sei se dou os créditos a o ativismo, mas isso foi algo positivo
Mas essas guerrinhas por nada, querendo rotular pessoas brancas como malvadas, por coisas que nunca fizeram, só porque existiu e ainda existe um grupo por ai... Gente, é só redirecionar a energia para essas pessoas cruéis... Desde quando achar uma roupa bonita e usar é algo cruel? Não estão zombando, é admiração!

Todo mundo tem seus direitos de se sentir ofendido, mas obrigar a a alguém a sofrer pelo seu sentimento é errado.

Se respeito e igualdade deve existir para todo mundo, isso seria independente da roupa que escolheu usar... por que essas regras?

Toda sociedade misturada, todas as culturas trabalharam juntos, tudo que temos foram construídos por pessoas de diversas cores... Não é o momento de dividir isso



Negros podem ser lindos, com turbantes, cabelo natural, ou liso e pintado, escolha pessoal, o resultado pertence a pessoa... Brancos também! 
Racismo invertido realmente não existia... mas ultimamente vocês estão fazendo pena em porco existir... isso é preocupante



6 comentários:

  1. Sabe de uma coisa? Todo mundo ja ouviu a famosa frase "o sonho do oprimido é ser o opressor" e faz todo o sentido do mundo quando esse tipo de coisa acontece: sjw fazendo auê por apropriação cultural, lgbt acusando deus e o mundo de homofobia igual uma gay nojenta da minha ex faculdade que todo dia fazia texto quilométrico sobre supostos pastores perseguindo ele (a famosa fanfic, até que um dia eu joguei um shade pra quem ficava curtindo e nunca mais apareceu na minha linha), gente sem o que fazer xingando todo mundo de "sinhá" naquela pagina das empregadas doméstica e por aí vai........eu ainda continuo achando meio estranho ocidental fazer tatuagem de mehndis, usar quimonos/qi paos/alguma veste tradicional de outro país, mas repreender uma pessoa por isso, pra que isso?????? O mais engraçado é que esse pessoal é meio burrinho tbm (ou só tá cego no ódio mesmo), eu sempre via e ainda vejo algum troll ou homem mesmo jogando bait (quando fazem um post/comentario polemico propositalmente somente e apenas pra ver a reação das pessoas e se divertir com todo mundo se bicando a troco de nada) e eles vão la e caem como um patinho so pra mostrar como são desconstruidx empoderadx e "lacrar" kkkkkkkkkkkkk

    Sempre que eu vejo uma noticia assim eu penso: ainda bem que eu n perco mais meu tempo no facecreche porque entre quem fica problematizando tudo ou pondo "# bolsonaro2018" eu prefiro ficar bem longe dos dois

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Um carnaval enorme, o pessoal tudo focado em status, enquanto toda essa bagunça não está ajudando nada os reais problemas
      Como eu disse, vai rolar denovo aquela coisa da historia do menino e o pastoreiro, ficam fazendo barulho por qualquer coisa, quando o lobo de verdade aparecer, vai ser difícil separar verdade da ficção

      Excluir
  2. Esse negócio de apropriação cultural me parece uma grande merda, como dito no texto, a idéia inicial era boa até, mas aí chegam os vitimistas pra problematizar.
    A história da garota no metrô foi muito bizarra, não dá pra acreditar que as coisas chegaram nesse nível.

    O texto tá ótimo!

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Todo mundo ficou chocado com essa historia, eu queria escrever sobre ela, mas muita gente apoiou a moça, que "brancos não deveriam usar dread"

      O duro é que essas historias falsas tiram a importância do ponto inicial, sobre zombar culturas e etnias, daqui a pouco vai acontecer como aconteceu com casos de estupro, quando acontecer algo real, alguém realmente zombando e ofendendo as etnias, ninguém vai dar importância, por causa de tanto grito dado por nada... Sabe a historia do menino pastoreiro e o lobo... vai acontecer isso, infelizmente

      Excluir
  3. Eu nao sei você mas eu achei que para voce chegar pra alguem que nunca viu na vida e dizer que essa roupa ta errada tem que ter muita coragem...apropriação cultural e surreal quando levada ao extremo

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Pois é, por isso muita gente duvidou da historia, mas não é impossível ser abordado por causa disso, é bizarro mesmo
      eu ficaria sem reação, tentando entender em que planeta estou

      Excluir

✵ Sou a favor da liberdade de expressão então se expresse como você quiser ✵

❤ Você pode discordar de mim, pode defender sua ideia, mesmo sendo contraria a minha, mas entenda que é meu blog, e eu vou defender minha ideia até o fim. Eu apenas vou recuar caso tenha percebido algum erro ou equivoco meu. Então essa é sua chance, seja claro e aberto. Todos são bem vindo... Menos pessoas sem emocional para lidar com opiniões diferentes e descem a xingamentos e ameaças ❤

☞ Mas evite ser desnecessariamente rude, pois eu respondo os comentários com o mesmo peso da sua, respeito é sempre bom, você pode discordar de mim, eu não sou dona da razão, mas você também não é. Lembre-se, o blog é meu ☜

♛ Evite por spans, se for para vir comentar que seja porque você tem interesse na postagem e não por auto-divulgação ♛

( ͡° ͜ʖ ͡°) Comentários sexualmente explícitos e vulgares são excluídos ʕ・ิɷ・ิʔ

✎ Existe uma opção de receber respostas pelo e-mail evitando ficar visitando meu blog para ver se obteve resposta (e evitar gerar números falsos), o nome é “notifique-me”, as respostas irão para o seu e-mail (para desabilitar ficar recebendo respostas, a opção está no e-mail)

⚛ Isso é um blog de opinião pessoal. Não é "site de noticia", não é propriedade de ong ou empresa comercial, logo não precisa ser imparcial ou seguir alguma regra de alguma empresa ou pessoa privada alheira. Eu sou apenas uma pessoa aleatória, sem importância social, que escreve nas horas vagas ⚛

"EU DISCORDO DO QUE VOCÊ DIZ, MAS DEFENDEREI ATÉ A MORTE O SEU DIREITO DE DIZÊ-LO" - Voltaire

Mais regras aqui

LinkWithin

Related Posts Plugin for WordPress, Blogger...