sábado, 1 de julho de 2017

O resumão do: "Sequestraram minha filha, porque eu era negra e ela é 'branca'"

Okey... Senta ai...

Tudo começou com a denuncia chocante de uma mulher, bem... todas as historias costumam começar assim... 

Ela estava com sua filha em uma viagem, quando o ônibus que elas estavam fez uma parada em Graal de Perdões, Jamille aproveitou o momento para ir no banheiro, e ai aconteceu algo que... Tem duas versões até agora...

A versão original, a que levou ela a ficar famosa no Brasil todo, é que uma mulher desconhecida tentou sequestrar sua filha, se aproveitando do fato que Jamille e sua bebe tem tons de pele diferente. A mulher desconhecida pegou a menina e tentou leva-la com ela, Jamille, como qualquer mãe, reagiu imediatamente, foi ai que a mulher começou a agredi-la verbalmente com racismo, dizendo que a filha a pertencia e não a Jamille, por ser negra. No meio da discussão a mulher até mesmo teria tirado um documento falso, do nada, com o nome real da criança... 




Veja a historia contada pela mesma:





" INDIGNAÇÃO
Hoje dia 26/06/2017 sai dá cidade de São Paulo no ônibus de 09:00hrs com destino a Belo Horizonte. A viagem ocorrendo bem, até fazermos a segunda parada em um estabelecimento.
Entrei no banheiro com minha filha que tem apenas 1 ano e 5 meses, e na saída uma moça bonita com aparentemente uns 30 anos deu a mão a ela. Eu achei que ela estava brincando então não me importei muito, quando do nada essa moça começou a gritar : SOLTA A MINHA FILHA. Eu fiquei meio que sem reação, meu primeiro impulso foi pegar a #Manuela no colo e tentar sair de perto. Ela veio atrás gritando e tentando puxar a minha filha do meu colo. Ninguém fazia absolutamente nada!!!! Quando um rapaz (funcionário) chegou perto e perguntou o que estava acontecendo e ela respondeu: Essa preta roubou a minha filha. Ele me olhou de cima a baixo e perguntou o que eu estava fazendo com aquela "criança" no colo. Respondi: Essa "criança" é a minha filha!! Quando ele me perguntou: Tem como provar? Ãh?? Como assim eu ter que provar que minha filha é minha filha? Fiquei desesperada sem saber o que fazer. Quando aquela desgraçada daquela mulher puxou uma CERTIDÃO FALSA, alegando que ela tinha como provar. Vi meu mundo cair, pegaram a minha filha do meu colo e entregaram a ela. Vi ela andando em direção ao carro com a minha filha no colo. Corri, chorei, pedi a ajuda e todos falando: ela não é sua filha, ela é branca, ela não se parece com você. Pelo amor de Deus, como assim?? Minha filha não é minha filha porque eu sou negra????? O pai dela é branco e ela realmente se parece mais com ele que comigo. Me seguraram, quiseram me bater, falaram que eu estava sequestrando uma criança 
Inicialmente os passageiros ficaram do meu lado e quando ela mostrou a certidão TODOS me olharam torto. 
Eu ando com a IDENTIDADE e CPF dela na bolsa , foi quando eu peguei, expliquei, falei para perguntarem a minha filha cadê a mamãe. Chamei a polícia. 
O motorista do ônibus falou que não iria me esperar pois tinha "horário". Ou eu ficava e fazia b.o e ficava presa em uma cidade a Quilômetros de distância da minha casa ou ia embora com eles... Precisei entrar no face, mostrar fotos grávida, mostrar fotos do hospital, do nascimento dela. Para assim acreditarem que a menina branca, era filha da mulher negra!!!! ABSURDO, PRECONCEITO, DESCASO!!!!! Estou sem acreditar até agora que isso tenha acontecido comigo. Por fim, depois de mostrar nossos documentos e fotos me ajudaram a pegar a MINHA filha... E aquela mulher ficou lá, se esguelando, gritando e as pessoas que a conteram ficaram aguardando a chegada da polícia. Eu vim embora com uma sensação horrível, de que isso ainda vai acontecer muitas e muitas vezes e por causa do racismo e preconceito quase eu perco a minha filha.





Historia triste e revoltante, todo mundo chora, todo mundo fica chocando com a exposição de alguma situação terrível, racismo e agressão a criança

Mas as pessoas se esquecem que tudo que fica exposto fica sujeito a criticas e questionamento, ainda mais uma historia tão horrível... Se foi tão assim, com certeza teve testemunhas, e foi ai que começaram a desconversar

Em uma entrevista a o Jornal Hoje em Dia (fonte) , ela negou que tenha sido ela quem contou a historia original, disse que o perfil é fake, e a historia não foi contada por ela... O tal perfil fake é um dos melhores que eu já vi, com fotos pessoais, e com um tempo longo, desde 2011... E estranhamente, a pessoa por traz do tal perfil fake, assim que começaram a questionar Jamille, apagou todas as fotos e postagens antigas, deixando apenas a foto de perfil e a historia em publico... Ué? Por que o fake fez isso?
E o que torna a historia mais bizarra, é que aquele dia de fato teria acontecido, não o que o fake conta, mas alguém tentou pegar sua filha, no meio de um engano, e ela teria sido vitima de "racismo". A historia que ela conta, atualmente, é quase a mesma coisa, só que tira toda a parte inacreditável, como a coisa de alguém tirar um documento do nada, de todo mundo em volta julga-la, apenas
deixando a parte mais fácil de acreditar
- "Na verdade", uns funcionários apenas perguntaram se ela era mãe da criança, e estavam questionando pelo fato da diferença de tonalidade entre as duas, ela apenas confirmou ser mãe e foi ao banheiro. Chegando lá uma outra pessoa pegou a criança e tentou levar, achando que a filha não era de Jamille, então em um ato desconfortável e um tanto humilhante ela teve que provar ser mãe da criança mostrando um documento

Okey... Como um fake saberia da historia? Se ela estava sozinha com a filha? Por que um fake se moveria para fazer uma denuncia, e por que ao ser exosto como fake, apagou tudo MENOS A HISTORIA QUE VIRALIZOU?

Está sentindo esse cheiro? Segue o faro
Outra coisa, que na própria matéria conta, é que Jamille fez um b.o., e esse diz o que A POSTAGEM DO FACEBOOK, do suposto fake, diz, e não a versão atual que ela conta
A policia foi atrás, investigou, e naquele dia não aconteceu simplesmente nada, nenhum funcionario se lembra de alguma coisa, nem de se confundir com crianças, nem de discussões, nada aconteceu, o dia foi comum...
ME EXPLICA ISSO!


Ai Jamille teria contratado um advogado, que estaria se movendo contra o fake...
Oi?
Lembrando que ela deu até entrevista sobre o ocorrido


....


Daqui a pouco, isso nunca aconteceu...


O que vocês acham que aconteceu?

Eu pessoalmente acho que algo realmente aconteceu, tipo alguém perguntar se ela era realmente mãe da bebe, e ela se sentir ofendida, ficar ""inspirada"" e escrever aquele textão já calculando ter fama, só que não calculou ser questionada... E ai voltou atrás...


Lembrando que, ela fez um b.o. para deixar a historia mais verídica, essa coisa de ir lá e registrar pode ser um corda no pescoço dela, se caso provado que é mentira, ela pode responder processo por falsa denuncia... vixi...


4 comentários:

  1. O BERRO que eu dei com a fanfic PÉSSIMA do advogado não foi baixo, eu acho que não (nem sempre) teve má intenção da pessoa que ~perguntou~ se a bebe era filha dela mesmo porque levando em conta a diferença entre as duas seria uma coisa normal a se perguntar????? Uma vez acharam que meu irmão mais novo era meu filho, foi meio sei la mas eu não pensei em fazer textão lacrador não....... Ate pq isso acontece né

    Tá bem mal contado isso aí, não sei por que um fake ia se dar a todo esse trabalho de dar fama instantanea pra uma anônima? Se o fake existia desde 2011, DE UMA ANÔNIMA, COM FOTOS PESSOAIS, quem se dá ao trabalho de fazer um fake assim????? E no link da fonte da fanfic do advogado diz que ela contou a versão da fanfic no programa da fatima bernardes (ou contou ou não negou nem confirmou), e o fake tinha relacionamento com o perfil do marido dela, se era um FAKE então por que o marido ACEITOU o relacionamento com o fake? Relacionamento com 2 perfis sendo que um era fake? GENTE???? To convencida de que ela armou o circo todo, ate pq fanfic (ainda mais no FB) relacionada a racismo ou coisa do tipo é o que não ta faltando ultimamente

    Falando em fanfic, essas tão não só no FB ou no twitter mas na internet inteira, a sede das pessoas por atenção ta tomando um rumo assustador, tem uma sub no reddit pra vitimas de pais/parentes abusivos e o que mais me da raiva la é que as fanfics muitas vezes descaradíssimas que nem essa do post ficam no topo todo mundo dando upvote comentando e quando alguem precisa de ajuda de verdade ou só quer compartilhar uma historia ruim da infancia aí fica lá jogado às traças, da vontade de nem ir mais naquela merda

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. só quero te dizer que fanfic que dá certo vira frente de fanfics: https://www.facebook.com/photo.php?fbid=1919941964953710&set=a.1465137830434128.1073741828.100008137758375&type=1&theater

      Gostei da estrategia, joga uma coisa, não deu certo ou deu consequência, fala que n foi você ou muda o maximo que pode o contexto... mas eu já vi isso varias vezes, mas é a primeira vez envolvendo algo tão grande
      - Youtube é o que mais está tendo, mas ao menos vc olha no olho da pessoa e consegue sentir que ela esta atuando...

      * historias reais não são tão interessantes quantos esses fanfics, que são especialmente temperados para dar um sabor especial, ou seja, em palavras que deem para entender, se a historia não abraça um ideologia ou alguma coisa que as pessoas estejam abraçando, como motivos políticos direta/esquerda, as pessoas não abraçam, pelo simples motivo de que aquilo não as interessa, não vai trazer nada para o grupo delas e logo a elas
      Uma mulher/homem sofrendo sozinho, problema dele, mas se esse sofrimento levanta uma bandeira, problema nosso... heeey... complicado...

      Excluir
  2. Putz, que história confusa.
    Bem na minha família tem dois casais que são negros ( mas tipo o pai é branco e a mãe é negra ) e as crianças são brancas. E não se parecem nem um pouco com os a mãe. >.>
    Isso tem que ser investigado a fundo, pois se ela mentiu ela tem que pagar ué.

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. No Brasil acontece muito, a gente é tudo misturado, e as vezes é tanto que os filhos, resultado do love, fica outra coisa hehheeh

      Excluir

✵ Sou a favor da liberdade de expressão então se expresse como você quiser ✵

❤ Você pode discordar de mim, pode defender sua ideia, mesmo sendo contraria a minha, mas entenda que é meu blog, e eu vou defender minha ideia até o fim. Eu apenas vou recuar caso tenha percebido algum erro ou equivoco meu. Então essa é sua chance, seja claro e aberto. Todos são bem vindo... Menos pessoas sem emocional para lidar com opiniões diferentes e descem a xingamentos e ameaças ❤

☞ Mas evite ser desnecessariamente rude, pois eu respondo os comentários com o mesmo peso da sua, respeito é sempre bom, você pode discordar de mim, eu não sou dona da razão, mas você também não é. Lembre-se, o blog é meu ☜

♛ Evite por spans, se for para vir comentar que seja porque você tem interesse na postagem e não por auto-divulgação ♛

( ͡° ͜ʖ ͡°) Comentários sexualmente explícitos e vulgares são excluídos ʕ・ิɷ・ิʔ

✎ Existe uma opção de receber respostas pelo e-mail evitando ficar visitando meu blog para ver se obteve resposta (e evitar gerar números falsos), o nome é “notifique-me”, as respostas irão para o seu e-mail (para desabilitar ficar recebendo respostas, a opção está no e-mail)

⚛ Isso é um blog de opinião pessoal. Não é "site de noticia", não é propriedade de ong ou empresa comercial, logo não precisa ser imparcial ou seguir alguma regra de alguma empresa ou pessoa privada alheira. Eu sou apenas uma pessoa aleatória, sem importância social, que escreve nas horas vagas ⚛

"EU DISCORDO DO QUE VOCÊ DIZ, MAS DEFENDEREI ATÉ A MORTE O SEU DIREITO DE DIZÊ-LO" - Voltaire

Mais regras aqui

LinkWithin

Related Posts Plugin for WordPress, Blogger...