quarta-feira, 25 de julho de 2018

"Gordofobia" na netflix leva petição de cancelamento de serie

Então gente, o barulho todo é sobre uma serie que nem é serie ainda, é apenas uma trailer, que mostra tipo nada, só uma ideia de uma coisa que pode vir a acontecer (porque trailer as vezes mentem dizendo muita coisa sobre pouca coisa, você sabem do que eu to falando)
E ta aqui, vejam com seus olhos, cheios de suor e menstruação, essa monstruosidade da mãe netflix:


Então gente, como vocês viram... sei que muita de vocês devem ta caçando o problema, ou então nem viram, tao deixando carregar o video e lendo pra saber o que é e ai saber se vale a pena ver... são vocês que alimentam a cultura do spoiler!!
A coisa é o seguinte: A serie mostra uma menina que levou um soco no queixo, isso deixou ela impossibilidade de sair de casa e comer, nisso ela emagreceu, quando voltou pra escola, agora magra, a vida mudou, porque antes ela sofria bullen por ser gorda, agora mudou porque ela é magra
Isso ai causou... furdúncio...

Mas não muito... tipo... nem fez muito barulho na  mídia... se ve só ta uns ativistas falando disso... mas incrivelmente juntou mais de 100.000 assinaturas em pouco tempo.... estranhamente hein... hummmmmmmmmmmmmmmmmmmmmmmmmmmmmmmmmmmmmmmm


https://www.change.org/p/netflix-stop-release-of-the-body-shaming-film-produced-by-netflix-insatiable

 O argumento é que: A serie perpetua a visão de que pra ser popular e feliz tem que ser magra, e isso causa baixa-auto estima nas meninas, VAMOS BANIR!

Olha menina, na minha epoca, tipo uns meses atrás, serio, boicote era quando a gente passa a não dar o tempo ou dinheiro pra algo por que não apoia as ideia de algo, e ai chama todas as miga pra fazer o mesmo, ai chamava boicote coletivo, tipo ir no shopping, mas não ir, porque é boicote, super tendência alias naquela época
Mas parece que o mundo mudou muito né, nesses últimos meses, agora boicote é querer que algo não exista só porque você não concorda com isso, ou isso te deixa desconfortável, hummmmm, que cheio de censura, da onde está vindo?

É como se isso fosse previsível, a gente ta numa geração super sensível e "maaain faça alguma coisa", que ah, galera do gatilho emocional, de não pode "não gostar" porque "muitas meninas morrem por causa disso", de banalização de doenças e crimes, e o mundo vai acabar, socorro....
A netflix é a queridinha dessas meninas que passam o dia todo vendo serie e lacrando (eu fico o dia todo assistindo "todos saudem o rei julien" [por que você ainda não viu??] e deslacrando, auge), e elas meio que sentem que o netflix só existem pra agradar elas... a gente viu a galera querer acabar, encerrar e enterrar o netflix por causa daquela serie inspirada na corrupção e numas coisas que rolou com o br sair na netflix e as viuvas do lula só faltavam morrer, queriam que a netflix queimasse a serie em plaça publica, queriam retratação, queriam morte.... gente, uma empresa privada tendo que lidar com creche de criança de 20 30 anos...
E que loucura que a gente que começou isso e agora os gringo ta copiando, gente, desde quando br é visionário em problematização??? Ou eu perdi alguma coisa??
E ai né, vem serie nova, lembrando que a encrenca toda é sobre algo que nem aconteceu e... o que dizer??

Primeiro que... a opção de não assistir ta ai

Segundo que... parem de banalizar a anorexia como se isso fosse gripe, como se acontecesse quando alguém sei lá, de repente se sentiu desconfortável, porque algo os fez questionar o corpo, e bum, vai morrer... se fosse assim todo mundo taria no hospital agora, porque querendo ou não vai aparecer alguém mais magra que você, e essa pessoa pode estar sendo admirada, convivam com a ideia que alguém diferente de você pode sim ser admirada, acontece


Gente, acorda que anorexia acontece por uma mistura de fatores, tem até gente sem "vaidade" nenhuma que acaba desenvolvendo transtorno alimentar por auto-punição (tem gente que acaba se culpando ou punindo o corpo por causa da carga emocional negativa)

Terceiro que a coisa da "gorda vitima" não é o único cliche, vai dizer que nunca viu personagem magro vitima de bullen na tv? E vai me dizer que nunca viu pessoa magra sendo vitima na vida real? E até ser magro ser o motivo? Vai negar que a sociedade também condena magreza estrema, xingando de aids, de não atraente por ser não-masculo (pro meninos) e não-atraente (pras meninas, por não ter peito e bunda), porque terceirizam a culpa do bullying? Porque não encaram que a culpa ta no sistema? Que deixa pessoas violentas e frustradas terem contato com pessoas introvertidas e vulneráveis, que bullying, como qualquer crime de natureza violenta, acontece por causa de poder, de pessoas querendo machucar outras pra poder se impor... Ata, banalizaram o bullying, agora isso é só "não gostar" do seu tipo e pronto...
 Seis perceberam que o antes de emagrecer a mina tava toda largada, triste, de moletom e tal, e depois de emagrecer tava de quardaroupa novo, cabelo e maquiagem... seis acham mesmo que só o peso mudou... seis notaram só isso??? OKEY

Quarto que se você fica incomodado com isso... o problema ta em você, isso é uma ficção, que nem se quer mostra isso como bom, (na verdade nem mostrou ainda, PORQUE É UM TRAILER), insegurança faz isso com as pessoas, fazem elas acharem que estão sendo atacadas por qualquer coisa, e narcisismo fazem elas acharem que precisam ter o ego e a imagem admirada em todo o lugar

E quinto... cresçam! O mundo não está ai pra servir vocês, não gostou? Ignorem, lidem que o que não agrada vocês vai existir... uai...



Mano... sera que no futuro tudo que essa galera não gostar, eles vão começar a fazer pressão pra censurar e tirar do ar? Esse é o novo crente?



...

Eu formatei meu pc e ele ta melhor... agora to passando as coisas aos poucos e até meu projeto morto de cd... e dei até nome pra ele, olha só, daqui 10 anos termino nessa velocidade... mas o que importa que agora vou voltar... ... ... até aparecer outro problema pra eu usar como desculpa pra não fazer nada heheheh

10 comentários:

  1. O "não me vejo, não compro" ataca outra vez e parece que a tendencia é piorar, vergonhoso ser uma criança em um corpo de adulto de 20-30 anos

    As vezes parece que ta tudo virando ao contrário, ontem quem sofria bullying por ser acima do peso ou "não padrão" hoje são os bullys

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. sim SIM SIM, but eles "justificam" dizendo que oprimem todo mundo porque são oprimidos, ou pra evitar de eles serem oprimidos... o classico "vou socar primeiro" sem saber se está rolando uma briga heheheheh

      Excluir
  2. gente, a mina tomou um soco e ficou com a boca costurada KKKKKKKKKKKKKKKKKK será que não perceberam que essa série é pra ser cômica e escrota? eu quero assistir já!

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. hhehehheheheheh
      todo ano tem uma serie ou filme tentando ser uma nova "menina malvada", agora temos uma nova tentativa hehehehe

      Excluir
  3. Já disse que adoro quando você vem com esses assuntos "polêmicos" para cá? Pois é. Se bem que esse daí nem merece "polêmica". (Não tô reclamando de você, mas sim das ativistas...).

    Mas vamos investigar a contradição dessa galera: no trailer é mostrado a história de uma garota que, por ser gorda, sofre bullying. É importante ressaltar que, logicamente, isso não simboliza a opinião da empresa! Ele quis, na verdade, soando ainda mais feminista do que gostaria, DENUNCIAR a bosta do bullying que os gordos sofrem. E aí, a mesma galerinha que pede visibilidade e diz para não nos importarmos com o que os outros pensam fica toda doída.


    Segundo que, ressaltando o que já falei, em momento algum a Netflix "disse" que para sermos felizes e "bonitos" é necessário ser magro. Eles só retrataram a realidade de muitos, meu Deus. É a mesma coisa que você querer fazer uma obra no século XIX sem mostrar a parte machista — me sinto muito uma feminista hoje — da sociedade. Gente, é chamado VEROSSIMILHANÇA. (Além disso, temos que lembrar que mostra que a menina não emagreceu porque quis).

    Terceiro que, como você disse: a anorexia e a magreza excessiva é muito banalizada. Não vi NINGUÉM falando nada daquele filme 'O mínimo para viver', que por sinal é muito realista sobre a anorexia — não é totalmente abrangente, mas já serve para conscientizar.

    (Na minha época de escola, era bem assim: as pessoas muito magras [inclusive eu] eram, na verdade, os alvos das piadinhas que iam minando a auto-estima. [Havia uma garota que tinha bulimia e ninguém sabia disso. Quando descobriram, continuaram da mesma maneira]. Já os gordos, nossa, os gordinhos eram totalmente empoderados. Pelo jeito que falam, entretanto, acredito que seja uma coisa única da minha escola).

    Quarto ponto: ninguém assiste se não quiser. Da mesma forma que a Netflix tem coisas de "humor negro", também tem "emporadorxs, manxs!" e vai de você assistir ou não.

    Por último, mas não menos importante: a série nem lançou ainda. De repente pode até ser uma crítica muito feminista e elas tão se emputecendo por nada.

    ay-double-u.blogspot.com

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. EXATAMENTE
      OFUSCOU MEU POST INTEIRO HEHEHEHEHHE

      As pessoas sempre fazem isso, perdem a oportunidade encarar uma ótima critica social pra caçar coisas que preencham o ego... é sad...

      Excluir
  4. Eu não condeno a série por uma garota gorda virar magra mas sim porquê eu achei cliché demais
    Serio qual o problema das series em escola com as patricinhas de salto alto e bolsa kkk Parece que a idéia que fica é que quando alguém emagrece tudo melhora na vida!

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. eu acho que querem tentar repetir o sucesso das meninas malvadas heheheheh

      Excluir
  5. Eu não vi nada demais... Existe filmes que trata sobre isso, mas hoje é a série do mimi. Ai mimi, pracá, ai mimi pralá.

    A verdade é está, quando você gordo você ouve sim: piadinha, você é julgado, tratado mal, entre outras coisas. E quando você é o padrão, você é certinha nos olhos deles. Não sei porque está causando esse alvoroço ... afffe

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. é que a netflix foi comprada por ativistas de telão parece hehehehhe

      Excluir

✵ Sou a favor da liberdade de expressão então se expresse como você quiser ✵

❤ Você pode discordar de mim, pode defender sua ideia, mesmo sendo contraria a minha, mas entenda que é meu blog, e eu vou defender minha ideia até o fim. Eu apenas vou recuar caso tenha percebido algum erro ou equivoco meu. Então essa é sua chance, seja claro e aberto. Todos são bem vindo... Menos pessoas sem emocional para lidar com opiniões diferentes e descem a xingamentos e ameaças ❤

☞ Mas evite ser desnecessariamente rude, pois eu respondo os comentários com o mesmo peso da sua, respeito é sempre bom, você pode discordar de mim, eu não sou dona da razão, mas você também não é. Lembre-se, o blog é meu ☜

♛ Evite por spans, se for para vir comentar que seja porque você tem interesse na postagem e não por auto-divulgação ♛

( ͡° ͜ʖ ͡°) Comentários sexualmente explícitos e vulgares são excluídos ʕ・ิɷ・ิʔ

✎ Existe uma opção de receber respostas pelo e-mail evitando ficar visitando meu blog para ver se obteve resposta (e evitar gerar números falsos), o nome é “notifique-me”, as respostas irão para o seu e-mail (para desabilitar ficar recebendo respostas, a opção está no e-mail)

⚛ Isso é um blog de opinião pessoal. Não é "site de noticia", não é propriedade de ong ou empresa comercial, logo não precisa ser imparcial ou seguir alguma regra de alguma empresa ou pessoa privada alheira. Eu sou apenas uma pessoa aleatória, sem importância social, que escreve nas horas vagas ⚛

"EU DISCORDO DO QUE VOCÊ DIZ, MAS DEFENDEREI ATÉ A MORTE O SEU DIREITO DE DIZÊ-LO" - Voltaire

Mais regras aqui

LinkWithin

Related Posts Plugin for WordPress, Blogger...