domingo, 20 de janeiro de 2019

Acho que quero mudar de curso, e não sei porque to tão chateada com isso, mas to

Toda vez que eu via alguem dizendo estar infeliz com um curso que estava fazendo a minha primeira reação é "troca uai", porque né, perda de tempo é você continuar a fazer algo que já sabe que não gosta, a gente as vezes precisa errar pra saber que está errando, perder grana e tempo, e ai de fato constatar, com os próprios olhos, sentidos e existência, que aquilo não é pra gente, no final a gente não perdeu, e sim ganhou... algum tipo de experiência.... aaaaaaaaaar que eu odeio quando eu me vejo sendo entusiasmada com os outros, sendo que eu sei... que eu sou a pessoa mais negativa do mundo em relação a mim mesma... se eu forçar mais sai 2019 da minha bunda

Eu to nessa situação de percebi que to no lugar errado a muito tempo... MUITO MESMO
E o que eu fiz... empurrei com a barriga... literalmente, porque as frustrações tão me fazendo comer que nem uma porca...

Desde os primeiros meses... eu senti que estava no lugar errado

O duro é que quando você não quer estar num lugar tudo te incomoda... você se sente o clássico peixe-fora-d'agua, pensando o tempo todo em desistir, mas sentindo que se desistir a perda vai ser enorme...
Tempo, dinheiro, desgaste emocional... tudo pra você chegar no meio da coisa e perceber que não era aquilo que você queria... ai é... ou continuar e forçar que todo o esforço valeu a pena, ou desistir e recomeçar em outro lugar..
...
Pra que? E se a outra escolha também for a errada...
... Ta, tentar até acertar... aaaaar... serio?? Tem gente que tem cu pra isso???
...
Tem gente lá dentro que queria coisas aleatórias, mas se sentem presas ali por outros motivos... a gente sempre sonha com uma carreira que tem uma fama de floppar, e ai sente medo de dar nosso tempo e chegar no fim e... não conseguir vingar... ai sente que é mais confortável fazer alguma coisa que odeia desde que tenha no futuro uma estabilidade financeira.... sim... ser infeliz com dinheiro no bolso...

Isso faz parte de ser adulto, não é? Você começar a abrir mão de sonhos e encarar que nós estamos aqui... apenas pra tentar sobreviver com o melhor que pode... e nem sempre o melhor... é o melhor (que poderíamos ter), entende?
Mas ao mesmo tempo não tem como afogar a sensação de que... não é o certo...
A gente vive pela sobrevivência, mas sonha com a felicidade, sonha em viver fazendo o que ama e... essas coisas...
Só que acontece que o mundo não é assim
Sabe a galera que trabalha e não tem tempo mas mesmo assim insiti em fazer faculdade, que trabalha das 8 da manha, até as 18 da tarde, e ainda chega atrazado na faculdade, e tem gente que trabalha dentro da sala pra se manter ativo com medo de ser demitida... dentro deles te gente que ama a profissão, ama o curso... mas advinha, eles vão floppar, sabe quem vai vingar? Os filhinhos de papai, que já tem escritório esperando pra ser herdado, os trabalhadores quando finalizar com muito esforço vão ser afogados pela concorrência enorme lá fora e vão demorar mais anos pra conquistar a estabilidade ou então... nem vão...

Sabe a quantidade enorme de pessoas com diploma e paixão pela carreira que existe lá fora... sem emprego? É muito real... É assustador...
Todo dia me deparo com alguém talentoso e formado trabalhado como vendedor, faxineiro ou algum tipo de empregado... ainda lutando por uma vaga e fazer o diploma vingar...
... Isso fode... porque mesmo se eu forçar a barra e terminar isso... chegar lá pra frente a chances de todo esse esforço virar merda é... enorme...
Então eu deveria desistir e fazer o que eu gosto, porque ai eu flopo feliz? Ou eu insisto naquilo que eu floparia menos?

EU NÃO SEI

Desistir não é fácil
Você tem que dizer pra você mesma....
Eu errei
Eu fracassei
Eu perdi
Agora me fuderei pra tentar recomeçar
 ...
Isso doi... pra cacete

Ai vem varias coisas amais
Sou uma adulta de 23 anos sem formação ainda...
E ai as pessoas mais velhas da minha família dizem... fulano de tal tem sua idade e já é juiz, sua prima com sua idade já tinha consultório, você vai desistir? De novo? Mais um curso? SERIO? Que vergonha

Pode me chamar de hipocrita, porque eu vivo falando pra não se imortar com isso e ser individualista, né
Mas nem eu não consigo fugir da pressão das expectativas
Eu não sou velha, mas me sinto velha...
Eles dizem, nessa idade eu já deveria ter uma carreira, minhas coisas, um possível marido... uma vida...
E eu não tenho porra nenhuma, nem sei o que de fato quero...
Que merda....

Isso que me segura ai... evitar de decepcionar pessoas que deveriam não importar pra mim, já que eu vivo pra mim
Então o que? Voltar para aquela maldita sala, ver aqueles meus colegas que eu tanto detesto, aqueles professores que me causam antipatia, com aquela matéria que não me desce... e terminar isso... e fingir que... deu certo...
Não ta dando certo...

É fácil eu chegar e dizer pra alguém, para vei, vai tentar ser feliz, difícil é quando se estar dentro do trem pra infelicity na tortura de pulo? Ou não pulo?
Pular pela frente? Fingir que eu estou orgulhosa, ai o que, me enroscar e ser puxada de volta e ser atropelada pelo trem e rezar por sobrevier quando o trem terminar de passar?
Pular pelo fundo e fugir da vergonha, fingir que isso nunca aconteceu? E o que?? Me enroscar no degrau e ser arrastada  por uns quilometro e bater a cabeça em cada trilho
Ou pulo pelos lados... quico em cada pedra até cair debaixo da ponte, nadar me afogando até a terra e ficar perdida no meio do nada sem saber aonde ir????..
...
Ou então continuar sentada na janela olhando lá fora e sonhando com o mundo... de lá de fora?
...
Eu não sei...
...
Eu realmente não sei o que fazer agora...
...
E isso é... torturante demais...

4 comentários:

  1. Qual curso voce faz, e foi porque voce queria e com o tempo viu que não era aquelas coisas ou foi tudo pressão de parente?

    Tem gente que acha que é vergonhoso ser vendedor ou alguma coisa do tipo, o famoso "mas o que os outros vão pensar" e a necessidade de estar sempre no topo e ser admirado por todos, tem gente que até se convence de que quer mesmo fazer um curso só pra não contrariar a pressão da familia (tipo uma amiga que eu tinha que entrou num curso da tríade brasileira (direito, medicina e engenharia) por pressão mas nunca admitia e dizia que gostava sim kkkk), também sofri com essas comparações ridículas com filhinho de amigo e primo mimado por exemplo, apesar de que agora fazem mais no wpp e não na minha frente e é sempre alguma coisa tipo "ahh o filho de fulana passou em #1 no concurso e ta ganhando 20 mil por mês" naquele tom de lamentação como se quisesse dizer "por que eles e não eu?" e eu só consigo pensar: hummm kkk bjs apesar de que só quem passa por isso sabe como dói e como é desnecessário porque não só é muito ruim mas também é como se voce tivesse de ser uma versão mini-me deles vivendo tudo o que eles não conseguiram (e claro, sempre pra impressionar os outros) e não uma pessoa com vida e vontade própria que não deve nada a ninguém

    Parabens pra fulano que é juiz e fulana que tem consultório (se é que eles são felizes com isso) mas cada um tem o seu tempo e nem todo mundo almeja ser juiz ou o que "dá futuro" (essa de cobrar marido também é horrível fora o cunho machista, ja chegaram a me dizer que um nojinho mimado da familia logo ia casar e morar numa casa boa enquanto que eu ia ficar aqui sozinha cuidando de velho e outra vez disseram que queriam que eu casasse logo pra apanhar do marido pra "aprender" ou aquela piadinha péssima de "ja pode casar" quando eu fiz uma comida que ficou boa)

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Direito... a pressão da minha familia era entrar pra area da policia, ai eu escolhi direito porque iria ajudar a eu entrar na area da policia civil, porque eu jamais teria bolar pra entrar na area militar... ai outros motivos... eu tinha mil e uma ilusões, achando que daria pra eu me formar e virar ativista, achando que direito dava "direito" da gente usar as leis pra "mudar o mundo" e fazer justiça... me enganei bonito, casos como o do rafinha bastos e do zeca camargo mostra que o direito tende ser bem... injusto... eu fui aos poucos acordando e vendo que tudo é uma ilusão e até no papel é cheio de brechas pra injustiças, mesmo intitulado de justiça...

      sim sim, os pais acreditam que valera a pena os sacrificios que eles fizeram pela gente se a gente acabar ficando rico, ou continuar com os negocios dele... sendo que a gente não escolheu nascer e cada um tem sua idade do que é ser feliz e como encontrar a felicidade

      Excluir
  2. Sei como é. Eu estou aqui fazendo meu curso(que eu amo) mas estou desempregada.
    Sempre fico pensando "porquê com as outras garotas da minha idade tudo da certo e eu sou esse fracasso aqui". 😣

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. complicado né, a gente sempre vai perder pras meninas que tem pais ricos ou parentes com contato pra arranjar emprego pra elas, quem não tem demora anos pra se estabilizar na carreira, ou nem

      Excluir

✵ Sou a favor da liberdade de expressão então se expresse como você quiser ✵

❤ Você pode discordar de mim, pode defender sua ideia, mesmo sendo contraria a minha, mas entenda que é meu blog, e eu vou defender minha ideia até o fim. Eu apenas vou recuar caso tenha percebido algum erro ou equivoco meu. Então essa é sua chance, seja claro e aberto. Todos são bem vindo... Menos pessoas sem emocional para lidar com opiniões diferentes e descem a xingamentos e ameaças ❤

☞ Mas evite ser desnecessariamente rude, pois eu respondo os comentários com o mesmo peso da sua, respeito é sempre bom, você pode discordar de mim, eu não sou dona da razão, mas você também não é. Lembre-se, o blog é meu ☜

♛ Evite por spans, se for para vir comentar que seja porque você tem interesse na postagem e não por auto-divulgação ♛

( ͡° ͜ʖ ͡°) Comentários sexualmente explícitos e vulgares são excluídos ʕ・ิɷ・ิʔ

✎ Existe uma opção de receber respostas pelo e-mail evitando ficar visitando meu blog para ver se obteve resposta (e evitar gerar números falsos), o nome é “notifique-me”, as respostas irão para o seu e-mail (para desabilitar ficar recebendo respostas, a opção está no e-mail)

⚛ Isso é um blog de opinião pessoal. Não é "site de noticia", não é propriedade de ong ou empresa comercial, logo não precisa ser imparcial ou seguir alguma regra de alguma empresa ou pessoa privada alheira. Eu sou apenas uma pessoa aleatória, sem importância social, que escreve nas horas vagas ⚛

"EU DISCORDO DO QUE VOCÊ DIZ, MAS DEFENDEREI ATÉ A MORTE O SEU DIREITO DE DIZÊ-LO" - Voltaire

Mais regras aqui

LinkWithin

Related Posts Plugin for WordPress, Blogger...